pessoal parcelando multas
Categories:

Como fazer o parcelamento de multas? Saiba aqui!

Atualmente, os brasileiros possuem mais de R$ 253 bilhões de dívidas, segundo último Mapa da Inadimplência e Renegociação de Dívidas no Brasil, produzido e divulgado pelo Serasa. Nesses débitos abertos existem muitas multas de trânsito. Por isso, nós da Zapay vamos mostrar como o sistema de parcelamento de multas é uma ótima alternativa para se livrar dessa despesa. 

Confira tudo sobre o parcelamento de multas, logo abaixo! 

O que é multa de trânsito?

Antes de explicar como funciona o parcelamento de multas, nós precisamos falar rapidamente sobre o que é esse tipo de gasto.

A multa de trânsito é uma penalidade imposta pelos agentes dos órgãos autuadores de trânsito, quando alguém comete uma infração expressa no CTB – Código de Trânsito Brasileiro em vias públicas. 

Proprietários de veículos, condutores, embarcadores e transportadores podem ser autuados por uma multa quando infringirem as normas previstas no CTB e as suas resoluções específicas.

As multas de trânsito geram uma cobrança a ser paga pelo infrator e pode acabar gerando pontos na Carteira Nacional de Habilitação do autuado. Veja a classificação dos pontos: 

  • Gravíssima: 7 pontos;
  • Grave: 5 pontos;
  • Média: 4 pontos;
  • Leve: 3 pontos.

Lembrando que o limite de pontos permitidos na carteira é 40, se o condutor não cometer nenhuma infração gravíssima. Se houver uma infração gravíssima, o limite máximo cai para 30 pontos. No caso de duas ou mais infrações gravíssimas, o limite para suspender a carteira volta a ser de 20 pontos, como era a antiga lei.

Principais motivos que geram multas de trânsito

Alguns hábitos podem parecer simples para alguns motoristas, mas eles podem gerar prejuízos financeiros por meio da cobrança das multas de trânsito

Saiba quais são os principais penalidades mais corriqueiras nas vias públicas, que geram cobranças de trânsito e ainda aumentam o risco de acidentes: 

  1. Atender uma ligação de celular no trânsito (R$ 130,16);
  2. Fumar ao volante (R$130,16);
  3. Jogar lixo pela janela (R$ 130,16);
  4. Estacionar em cima da calçada (R$ 195,23);
  5. Estacionar na esquina (R$130,16);
  6. Buzinar de forma prolongada (R$ 88,38);
  7. Comer ou beber enquanto dirige (R$130,16);
  8. Transitar com lotação excedente (R$293,47);
  9. Passageiro sem cinto de segurança (R$195,23);
  10. Não usar a seta antes de realizar a manobra (R$195,23).

É possível fazer o parcelamento de multas de trânsito?

Afinal, é possível fazer o parcelamento de multas? Sim, é possível! Essa é uma ótima forma de ajudar os motoristas que estão com problemas com dinheiro, sofrem com dívidas e precisam de uma maneira mais fácil para quitar suas cobranças de trânsito. 

A Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados incluiu um texto no Código de Trânsito Brasileiro que permite a autorização para o parcelamento de multas de trânsito por órgãos e entidades executivos de trânsito.

Esses órgãos e entidades também possuem o direito de estabelecer os meios de cobrança mais eficientes para os infratores.

O pagamento das multas de trânsito, que ainda não foram inscritos em dívida ativa ou em cobrança administrativa, pode ser feito à vista ou a prazo, por meio de cartões de crédito ou débito. 

A comissão aprovou ainda que o parcelamento de multas pode ser em até 12 vezes no cartão de crédito, nas bandeiras Mastercard, Visa e Elo.

Quais os tipos multas que podem ser parceladas?

O parcelamento de multas de trânsito é permitido nas infrações de níveis leves, médios, graves e gravíssimas, porém, existem casos em que não é permitido o parcelamento. 

Não é permitido o parcelamento de multas que já estão vencidas e multas praticadas em outro estado (por exemplo, um carro registrado em São Paulo que pratica a multa no Rio de Janeiro).

Caso a multa de trânsito não se enquadre em nenhuma característica citada acima, então o infrator pode realizar o parcelamento da multa. 

Como fazer o parcelamento das multas?

Existem algumas maneiras que permitem parcelar as multas de trânsito. Saiba quais são elas, a seguir: 

  • Pela Zapay

A Zapay é uma plataforma online de consulta e pagamento de débitos de veículos, que pode ser acessada pelo celular ou computador. 

Por conta do crescimento da inadimplência dos infratores que não priorizam a quitação de dívidas de multas de trânsito, a Zapay passou a oferecer o parcelamento de até 12 vezes.

Além do parcelamento com o cartão de crédito, existem outras formas de pagamento como PIX, Boleto, Ticketlog e Voucher. 

  • Site do Detran do seu estado

O infrator pode parcelar sua multa de trânsito no site do Detran do estado em que o veículo foi registrado.

Só é preciso acessar o site, realizar o acesso, entrar na área de débitos e conferir as multas em aberto.

Em seguida, o autuado pode escolher uma das instituições credenciadas para fazer o parcelamento de multas. 

  • Presencialmente

Também é possível parcelar uma multa de trânsito através do atendimento presencial em um dos postos do Detran mais próximo de você.

Só é preciso levar os documentos necessários para a negociação, como a apresentação da multa, documentos de identificação (RG ou CNH), Registro Nacional de Veículos Automotores (RENAVAM) e Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV).

No posto do Detran, você pode consultar os débitos veiculares em aberto e manifestar a intenção de parcelar a multa. 

Dá para parcelar a multa com desconto?

É possível conseguir até 40% de desconto em multas de trânsito, se o motorista estiver se cadastrando no Sistema de Notificação Eletrônica – SNE.

Assim, o infrator pode acessar o site ou aplicativo, fazer o login e clicar na aba “infrações”. Em seguida, se houver alguma multa, aparecerá a opção “Aderir ao SNE”. 

Após preencher os dados solicitados é só aguardar uma mensagem confirmando que foi aderido ao SNE.  

Em seguida, abra novamente a aba de infrações, selecione a multa e clique em “Emissão do Boleto” para a guia de pagamento ter um desconto de até 40%.

Como neste caso o pagamento precisa ser feito por boleto, então não será possível realizar o parcelamento de multas com o cartão de crédito.
Agora você sabe como funciona o parcelamento de multas de trânsito! Conte com a ajuda da Zapay para parcelar seus débitos veiculares!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *