Categories:

Dirigindo a noite: Dicas para conduzir com segurança

Enquanto existem pessoas que preferem a claridade do dia para dirigir em estradas, existem os que preferem o período da noite, que costuma ter um movimento menor, um clima ameno, mas em contrapartida, visibilidade reduzida.

Dirigir sempre será uma atividade que vai requerer, além de habilidade, prudência e respeito pelo trânsito. Um bom motorista é aquele que cuida não apenas de si mesmo, mas também das pessoas que compartilham as vias públicas com ele.

Independentemente de qual período do dia você prefira dirigir, o assunto deste artigo é justamente sobre a noite. Segundo pesquisa realizada pelo Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, um programa do Governo de São Paulo, mais da metade dos acidentes de trânsito acontecem entre 18h e 6h.

Como dirigir a noite com segurança?

Pensando nos números da pesquisa do movimento paulista, criamos esse conteúdo para falar um pouco sobre alguns pontos simples, mas muitas vezes ignorados por motoristas que viajam, ou simplesmente dirigem à noite:

Atenção e foco o tempo todo

A gente não precisa nem falar sobre a necessidade de atenção e foco em todos os momentos do dia, certo? Mas à noite, é natural a predisposição por relaxarmos um pouco, principalmente quando passamos o dia todo trabalhando, e pegamos a estrada logo na sequência. Agora, se você dirige profissionalmente, a direção defensiva deve fazer parte do seu cotidiano a todo momento.

Manter-se focado na direção e ao seu redor, evita acidentes, mas também evita desgastes desnecessários com o veículo, além de permitir que você perceba situações irregulares na via, que podem prejudicar outros motoristas.

Mantenha retrovisores e para-brisas sempre limpos 

Sabe aqueles pequenos insetos que se chocam com o para-brisa o tempo todo? Durante o dia isso pode acontecer com pouca frequência, mas à noite, a sujeira que esses insetos podem deixar, principalmente quando se acumulam e você aciona o limpa-vidros, podem dificultar muito a visibilidade da via.

O sereno noturno é outro fator que piora a visibilidade, e distorce a iluminação da via ou mesmo dos demais veículos. As mesmas condições se replicam para os retrovisores.

Dito isso, essa deve ser uma das preocupações antes de dirigir a noite. Mantenha sempre para-brisas e retrovisores limpos. 

Não dirija se estiver com sono  

Confiar demais na sua capacidade de contornar o sono, é arriscado quando você está atrás de um volante. Na opinião de neurologistas que atuam pesquisando a segurança no trânsito, você pode pensar que é capaz de se manter acordado, e pode até ser, mas sua atividade cerebral não será a mesma.

Logo, o sono não tem necessariamente a ver com dormir ao volante e causar um acidente. Ele também é responsável por diminuir a atenção, ter seu potencial de escapar de situações de risco comprometido, assim como reflexos e golpes de vista, essenciais em situações de emergência.  

Respeitar sempre o limite de velocidade 

Você pode achar um pouco exagerado os limites de velocidade estabelecidos em uma via, mas saiba que eles foram pensados considerando o fluxo recorrente naquele local, a distância necessária entre carros para uma frenagem de emergência, ou mesmo para uma curva acentuada.

Os limites também são pensados exatamente na direção noturna, quando sabemos que a visibilidade é comprometida, assim como a atenção. Respeitar esses limites significa aumentar sua chances de uma reação rápida para evitar um acidente e de simplesmente evitar prejuízo financeiro ao levar uma multa por excesso de velocidade.  

Manter sempre as lanternas dos faróis ligadas ao dirigir a noite

A iluminação de um veículo segue uma regra importante da direção: ver e ser visto. Se sabemos que à noite a visibilidade é reduzida, garantir que você possa ver a via, mas também outros veículos, é fundamental.

Dirigir com faróis queimados ou ainda com problemas no sistema de iluminação é uma infração média, com multa de R$130,16 e 4 pontos na CNH.

Uma das maneiras de prevenir ou resolver possíveis problemas com o sistema de iluminação, é cuidando sempre da manutenção preventiva do veículo.

Fique atento em situações estranhas com outros motoristas

O trânsito não é formado apenas por você, então cuidar apenas de si pode ser um problema, já que outros motoristas podem cometer erros que afetem diretamente a sua segurança.

Mesmo você sendo uma pessoa precavida e atenta aos riscos da direção noturna, outros motoristas podem nem sempre se preocupar com todos esses pontos que comentamos durante esse artigo. Por isso, ficar atento ao comportamento perigoso e estranho de outros, pode prevenir muitos acidentes.

Tenha sempre em mãos o telefone dos serviços de emergência dos órgãos de trânsito, para que situações assim possam ser reportadas.  

Use o GPS

A tecnologia nos deu recursos que facilitam muito a vida dos motoristas. O GPS é certamente um deles, principalmente durante a noite. Ter ajuda para encontrar um caminho com mais facilidade, evita que tenhamos que fazer movimentos bruscos para acessar determinada via, ou ainda que a velocidade seja baixa demais quando tentamos encontrar um número. 

Conclusão 

Mesmo que os pontos levantados aqui sejam um tanto quanto óbvios, pode acreditar que é muito comum encontrarmos motoristas que não cuidam de todos eles. 

Como aqui na Zapay a gente procura sempre produzir conteúdos que realmente possam te ajudar com o seu veículo e a sua segurança, pode ter certeza que esse é mais uma contribuição para que você siga bem e em dia com o seu veículo e com a legislação de trânsito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *