dois homens conversando sobre contas
Categories:

Qual o melhor momento para trocar de carro?

Muitas pessoas sonham em trocar o carro, mas assim como comprar um carro, a troca também exige um bom planejamento para evitar dores de cabeça e aperto financeiro. 

Há um momento certo para trocar de carro?

Essa é uma grande interrogação para muitos brasileiros e infelizmente não há uma resposta certeira, pois a troca depende de muitos fatores. Por isso, listamos aqui algumas dicas que podem te ajudar a escolher o momento mais adequado para você.

Manutenção

Muitos dizem que quando os custos da manutenção do carro começam a aumentar chegou a hora de trocar. Isso porque a frequência de problemas no veículo vão aumentando. Às vezes é apenas um conserto que resolve o problema por anos, porém com a frequência da manutenção começa a aumentar é um sinal de alerta pra fazer a troca de carro. 

A forma como você dirige influencia diretamente na frequência de manutenção do seu carro. Dirigir de forma mais cuidadosa pode prolongar o tempo de vida do seu veículo em meses ou até anos sem constantes reparos mecânicos. Por exemplo, se você corre muito com o carro muitas vezes acaba exigindo mais do freio, pode acabar sendo menos cuidadoso com buracos na pista e esse tipo de atitude pode acelerar o aparecimento de problemas mais consntantes no carro. 

Quilometragem

Se você dirige muitos quilômetros diariamente, principalmente quem trabalha com transporte, como táxi, vale ficar atento à quilometragem anual que o fabricante sugere no manual. 

Um bom índice pra considerar a troca do carro é quando ele supera 100 mil km rodados.

Fim da garantia

A maioria dos carros possuem garantia de 3 anos. O fim da garantia pode ser um bom indicador de troca do veículo, já que a garantia cobre algumas das partes mais caras do veículo. Inclusive, vale ficar muito atento no prazo de validade para saber se a primeira manutenção fora da garantia irá encarecer o serviço de forma inesperada.

Entretanto vale especificar que de qualquer forma a garantia não cobre itens de desgaste natural. A cobertura de um carro novo costuma cobrir: 

  • suspensão;
  • substituição de todo o conjunto de acessórios;
  • elementos que componham o sistema mecânico.

Desvalorização do veículo

Só de tirar seu carro da concessionária ele já sofre uma desvalorização considerável, dependendo do modelo pode chegar a mais de 20% do valor em um curto período de tempo. 

Portanto, quando pensar em fazer a troca de veículo você precisa ter em mente o quanto de dinheiro vai precisar colocar a mais pra cobrir essa desvalorização. Pode ser um valor considerável dependendo do novo carro que você tem em visto. 

É importante também acompanhar o mercado para saber se o seu carro valorizou ou desvalorizou em relação a um mesmo modelo 0km pra estudar o melhor momento de fazer a troca.  

Aumento da renda

Um aumento salarial ou uma grana extra considerável que entra na conta podem favorecer a compra ou troca de um carro.

Vale lembrar que o carro gera custos adicionais que você precisa levar em consideração se realmente cabe no orçamento, não é só o dinheiro para comprar o carro mas os gostos anuais e mensais que vocês terá com IPVA, licenciamento, manutenção, seguro, gasolina, pedágio, limpeza, entre outros que podem surgir como imprevistos e os custos variam de acordo com o modelo do veículo. Portanto avalie se o dinheiro extra será suficiente pra cobrir todos os custos extras sem te deixar no aperto. 

Faça um bom negócio

Apesar do momento atual com a alta dos preços no setor não ser o ideal pra trocar de carro, talvez você precise trocar pra trabalhar ou já está decidido e não quer adiar os planos. Neste caso é preciso ficar atento pra fazer o melhor negócio. 

Nessa hora vale ter paciência e se dedicar a pesquisar preços. Visite mais de duas lojas e não tenha medo de apresentar sua contraproposta para conseguir o valor que você quer pagar ou ao menos algo mais próximo. Geralmente pagamentos à vista têm mais flexibilidade pra negociar.

Caso o financiamento seja a única opção pra você no momento, fique atento no valor final e não apenas nas parcelas mensais, dessa forma você consegue ter uma melhor ideia de quanto vai pagar pelo carro, pois pode chegar ao dobro ou triplo. Com essa informação mais clara fica mais fácil pra você negociar o melhor valor para seu bolso.

Também leve em consideração os custos com revisões, possíveis consertos, impostos, etc para analisar se comprar um carro é a melhor escolha pra você neste momento. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *