como comprar carros isentos de ipva
Categories:

Carros Isentos de IPVA 2022: Veja quais veículos não pagam IPVA

Você já sabe quais são os carros isentos de IPVA 2022? Então, coloque seu cinto e embarque nessa com a Zapay! A gente lhe explica tudo sobre carros que não precisam pagar IPVA e dá dicas aos motoristas que têm este direito, seja pelo ano do veículo, seja pela condição física do condutor ou ainda pela profissão.

Ou seja, quer saber se seu carro não paga IPVA ou ainda quais são os carros isentos de IPVA 2022 SP, por exemplo? Então, continue a leitura deste artigo para dicas sobre estes temas.

Mas, antes de começarmos a falar sobre carros que não pagam IPVA 2022, vale a pena começarmos a explicação do início – afinal, você sabe o que é IPVA? Trata-se da sigla para Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores, um imposto que diz respeito à propriedade de veículos. O IPVA é um tributo estadual e que demanda pagamento uma vez ao ano. Somente os estados e o Distrito Federal possuem competência para instituir o IPVA, segundo o artigo 155, III da Constituição Federal.

Segundo o Artigo 155, da Constituição Federal, a partir da Redação dada pela Emenda Constitucional nº 3, de 1993):

Art. 155. Compete aos Estados e ao Distrito Federal instituir impostos sobre: 

I – Transmissão causa mortis e doação, de quaisquer bens ou direitos. 

II – Operações relativas à circulação de mercadorias e sobre prestações de serviços de transporte interestadual e intermunicipal e de comunicação, ainda que as operações e as prestações se iniciem no exterior. 

III – Propriedade de veículos automotores. 

Regras por estado dos carros que não pagam IPVA

Quando o assunto é isenção de IPVA, há algumas regras que são aplicadas de estado para estado. Conheça agora como funcionam esses direitos para 2022, considerando cada estado brasileiro, segundo o portal AutoPapo. 

Isenção de IPVA 2022 para carros até 2011 ou mais antigos

Se você mora no Amapá, saiba que o IPVA de 2022 para seu estado não incide sobre os automóveis e motocicletas que tenham mais de dez (10) anos. Atenção: essa data é contada a partir da data de fabricação do veículo. Se você é morador dos estados de Roraima e do Rio Grande do Norte, temos uma boa notícia: estes territórios seguem a mesma regra do Amapá. 

Isenção de IPVA 2022 para carros fabricado até 2007 ou mais antigos

Se você é motorista residente nos estados de Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Maranhão, Pará, Paraíba, Piauí, Rio de Janeiro, Rondônia, Goiás e Sergipe, saiba que seu veículo pode estar enquadrado na isenção de IPVA para carros fabricados em 2007 ou anos anteriores. Ou seja, se seu automóvel tem 15 anos ou mais, você estará livre do pagamento do imposto neste ano.

Isenção de IPVA 2022 para carros 2004 ou mais antigos

Já no estado do Mato Grosso, os veículos fabricados até 2004 não precisam pagar o IPVA de 2022. Ou seja: se você é um motorista morador do Mato Grosso e seu veículo tem 18 anos ou mais de fabricação, você entra no grupo dos contemplados com a isenção.

Isenção de IPVA 2022 para carros 2001 ou mais antigos

Por sua vez, os motoristas e proprietários de veículos dos estados de São Paulo, Paraná, Mato Grosso do Sul, Acre, Alagoas e Rio Grande do Sul podem contar com a isenção do tributo para veículos fabricados em 2001 ou se forem ainda mais antigos. Ou seja, se seu automóvel tem vinte (20) anos ou mais de fabricação e rodagem pelas vias públicas brasileiras, você precisa pagar o IPVA 2022.

Isenção de IPVA 2022 para carros 1992 ou mais antigos

Tem um veículo com 30 anos ou mais e mora nos estados de Santa Catarina ou Tocantins? Então, saiba que seu veículo fabricado até 1992 está isento do IPVA 2022. Os motoristas de Minas Gerais que são proprietários de veículos com a placa preta também podem contar com a isenção. 

Isenção de IPVA para PCD

Se você é um motorista PCD, é sempre bom saber que o IPVA traz algumas condições especiais para você, no que diz respeito ao pagamento deste tributo. Caso você ainda não saiba, é possível pedir a isenção do seu imposto, mediante a aprovação em perícia.

Trata-se da isenção IPVA PCD – a qual motoristas que apresentam deficiência comprovada ou dificuldade de locomoção (igualmente periciada) podem solicitar a isenção de pagamento deste imposto anual. 

Mas você sabe o que é um cidadão PCD? Esta é a sigla designada para Pessoas com Deficiência, sendo o termo mais indicado para se referir a tal condição. Os PCDs são pessoas que apresentam dificuldades relacionadas à audição, à visão, além de motoras, físicas ou, ainda, têm deficiência mental/intelectual. O PCD pode ter tanto a deficiência congênita (nasceu com a deficiência) quanto a adquirida (passou a ter a deficiência ao longo da vida). 

Quais são os carros isentos de IPVA em 2022

Como você já percebeu, quando o assunto é pagamento do IPVA há algumas exceções – e elas vão além da idade do veículo. Além dos proprietários de veículos com, no mínimo, 10 anos de fabricação, existem ainda outros grupos que são contemplados com a isenção de IPVA 2022.

Para reforçar, a idade é determinante para saber se o seu veículo ficará isento ou não do pagamento de IPVA. Mas as regras podem variar de estado para estado. E há ainda um estado que apresenta uma exceção: Minas Gerais é o único que não aplica isenção de pagamento do IPVA aos veículos, independentemente do tempo de fabricação. Fica a dica e estejam atentos, motoristas e proprietários de automóveis mineiros!

 

Tempo de fabricação

Estados que dão isenção do IPVA

A partir de 10 anos

Acre, Rio Grande do Norte e Roraima

A partir de 15 anos

Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Piauí, Rio de Janeiro, Rondônia, Sergipe e Tocantins

A partir de 20 anos

Alagoas, Paraná, Rio Grande do Sul e São Paulo

Fabricados até 1985

Santa Catarina

Fonte: Canal Tech.

 

Pessoas com deficiência, as chamadas PCD, também podem ter o direito de isenção do pagamento de IPVA, se comprovada a deficiência por perícia. Vale dizer que este é um benefício aplicado ao proprietário, e não ao veículo.

Para saber se o cidadão PCD tem direito à isenção do imposto, é necessário acessar a Secretaria da Fazenda do respectivo estado. O benefício se aplica a um único veículo que a pessoa tenha e, segundo a Secretaria da Fazenda, enquadram-se enquanto PCDs: “Pessoa portadora de transtorno do espectro do autismo em grau moderado, grave ou gravíssimo, ou com deficiência física, sensorial, intelectual ou mental, moderada, grave ou gravíssima, ou de seu representante legal, na forma e nas condições estabelecidas pelo Poder Executivo. 

É necessário que o proprietário do veículo tenha CNH especial, laudo médico que comprove a condição e é preciso acessar o Sistema de Veículos do Estado de São Paulo (SIVEI) – no caso de PCDs paulistas, por exemplo – para preencher o formulário e encaminhar os documentos solicitados.

Pessoas com câncer também podem ser beneficiadas pela isenção de pagamento do IPVA 2022. Para tal, precisam estar registradas em um dos seguintes estados: Espírito Santo, Distrito Federal, Goiás, Paraná, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Rio de Janeiro, Piauí, Rio Grande do Norte, São Paulo e Rio Grande do Sul.

Os motoristas que trabalham como taxistas também estão isentos do pagamento de IPVA. É necessário ter a confirmação de que o condutor exerce a atividade de taxista e usa o veículo para esta finalidade também. 

Isenção de IPVA DF: quem tem direito e como solicitar?

Como você já sabe, o IPVA é um imposto obrigatório para todos os proprietários de veículos. Mas, e como funciona a isenção deste tributo no Distrito Federal? Não precisa se preocupar, pois a Zapay lhe dá uma mãozinha. Montamos este conteúdo com todas as dicas sobre quem tem direito a solicitar a isenção de IPVA e como deve ser feita a solicitação. Clique aqui e saiba mais. 

Confira alguns dos modelos que fizeram muito sucesso nas ruas e estradas brasileiras e que, hoje, são isentos de IPVA.

  1. Volkswagen Golf 2011.
  2. Renault Logan 2010.
  3. Hyundai Azera 2010.
  4. Fiat Palio Adventure 2006.
  5. Honda Civic 2005.
  6. Ford Focus 2006.
  7. Chevrolet Meriva 2003.
  8. Toyota Corolla 2000.
  9. Audi A3 2000.
  10. Fiat 147 Rallye 1979.

Se você é fã de carros antigos, alguns cuidados precisam ser tomados para que o veículo possa rodar sempre em boas condições nas vias públicas e para que ele possa ter uma vida prolongada. Isso porque quem tem uma relíquia automotiva gosta de colecionar histórias ao lado dele e junto da família toda. 

A primeira dica é: troque ideias e dicas com outros colecionadores. Afinal, nada como compartilhar as experiências para entender também o que acontece com o seu veículo. É uma ótima forma para aprender a preservar melhor o seu carro raro, além de, de repente, descobrir onde comprar peças e ter a mão de obra ideal para a manutenção.

Outra dica é esquentar o motor antes de dirigir. E há uma explicação prática para este costume, que pode rememorar outras décadas. É que o motor de um veículo antigo foi projetado para funcionar em uma temperatura específica. Ainda: vale muito a pena revisar o carburador a cada 90 dias, para evitar problemas no motor.  

O cuidado com os freios também é imprescindível, pois os carros dos anos 1970 e 1980 apresentam um sistema de freios por tambor. Hoje, os sistemas de freios são a disco. Evite as freadas bruscas quando estiver dirigindo o seu clássico – elas são péssimas para estrutura do veículo, no geral.

É necessário também ter cuidado redobrado com a bateria. Se você ficar sem rodar muito tempo, pode ser que, ao ligar o veículo, a bateria não funcione. Fato que pode acontecer também com carros modernos, vale dizer. O ideal é dar um passeio com o veículo, ao menos, uma vez por semana.

Ser um condutor cauteloso pode ajudar muito a manter seu carro. Realizar manobras bruscas ou ainda troca de marcha rapidamente podem desgastar muito o funcionamento do veículo.

Mais uma dica é trocar de óleo periodicamente, já que carros antigos precisam de ainda mais cuidado com as peças quando o assunto é lubrificação. E lembre-se: ter um clássico implica em, infelizmente, ter maiores desafios na hora de encontrar peças de reposição. 

Tenha muito cuidado com os pneus e as rodas. Até mesmo por uma questão de segurança, é necessário trocar os pneus periodicamente. Confira sempre se os pneus não estão muito baixos – caso estejam, é necessário calibrá-los. Não se esqueça: pneus murchos podem deformar a cinta de metal interna. Uma falta de atenção que pode gerar prejuízo, na certa!

Saiba que a boa aparência do seu veículo não é apenas uma questão de vaidade estética. Este gesto ajuda na conservação externa e também em seu valor de mercado. Afinal, quem quer deteriorar um bem raro como este, não é mesmo?! Limpe o interior do veículo periodicamente, se necessário, chame um especialista, e cuidado com os líquidos na carroceria, para evitar corrosão. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.