Coxim do motor
Categories:

Coxim do motor: o que é e como identificar se está quebrado?

odar pela cidade ou pelo campo com o carro pode representar muita autonomia ao condutor, devido à praticidade de ir e vir, carregar pessoas e objetos e ter muito mais flexibilidade nos horários. Mas é preciso estar atento aos sons e às vibrações que vêm do próprio veículo. 

Sim, algumas das comunicações que o seu carro faz com você vai além daquilo que os olhos conseguem ver. E um exemplo disso é o coxim do motor. Este componente é essencial para amenizar a poluição sonora do veículo, assim como a vibração excessiva que vem do motor do veículo automotor.

Neste artigo, confira as dicas que a Zapay preparou para que o coxim do motor do seu carro possa ter uma vida prolongada, como evitar desgastes, o que fazer em caso de defeito ou dano percebido, quando trocar o coxim e o preço no mercado, caso seja necessário realizar a troca da peça na avaliação do seu mecânico de confiança. Leia e sane suas dúvidas sobre o coxim de motor.

O que é o coxim do motor? 

Coxim do motor quebrado: o que fazer e como identificar? 

Como prolongar a vida útil do coxim do motor 

O que é o coxim do motor?

Saber as partes e os componentes do carro é essencial para entender os problemas que podem surgir ao longo da vida útil do seu veículo. Mas vamos combinar que nem sempre conseguimos identificar absolutamente todas as partes do automóvel. Por isso, este artigo ajuda a entender mais o coxim do motor, especificamente.

Mas afinal, o que é coxim do motor? E para que serve o coxim do motor? Trata-se de uma peça relacionada ao conforto do carro, mais precisamente no som e na vibração emitida pelo motor, sendo uma peça fundamental para a conservação do veículo.

O coxim do motor pode ser também denominado como calço do motor. Ele é responsável por evitar maior vibração justamente na região do motor do carro. Não por acaso, o coxim do motor costuma ser feito de vinil, liga metálica ou ainda de borracha – materiais ideais para esta função que ameniza a vibração vinda do motor.

Quanto mais sofisticado e silencioso o veículo, mais coxins ele apresenta. Os carros populares costumam apresentar e utilizar três (3) coxins. Mas, se seu veículo for um importado, saiba que podem ser implementados até cinco (5) coxins nele – afinal, o objetivo é praticamente zerar a vibração do motor.

Desse modo, é possível encontrar o coxim em outras partes do seu veículo além do motor, como no escapamento, na suspensão e no câmbio. E, mesmo variando o local onde pode estar instalado o coxim, o objetivo da peça não muda: evitar as vibrações excessivas no chassi do automóvel.

Imagine o quão insuportável seria dirigir um veículo sem o coxim amenizando as vibrações vindas de diferentes partes do carro…?! Uma missão quase impossível.

Coxim do motor quebrado: o que fazer e como identificar?

Como tanta responsabilidade e sendo uma função fundamental no funcionamento do veículo, é esperado que em dado momento de vida útil, o coxim se desgaste ou até mesmo quebre. Mas como saber se o coxim do motor está ruim? O amigo motorista pode ficar tranquilo, pois este problema é facilmente perceptível, afinal uma vibração fora do comum aparecerá em seu automóvel. E isso se dará mesmo se o carro estiver parado e ligado (com o motor funcionando) – atente-se à esta dica.

Porém, você pode identificar também outros sinais de mau funcionamento do coxim do seu automóvel. São eles:

  1. Marcha “dura” durante os engates.
  2. Estrondos maiores no motor durante as arrancadas.
  3. Vibração exagerada da alavanca do câmbio em freadas e saídas.
  4. Defeito da junta homo cinética na parte do câmbio.

Caso seu coxim apresente qualquer problema de desgaste pelo tempo ou ainda algum tipo de defeito (afinal, todo veículo está sujeito a estas surpresas, embora sejam raras), não é preciso se desesperar. A recomendação é que é que você se dirija até o mecânico de sua confiança. É na oficina mecânica e com este profissional que o veículo poderá ter a melhor avaliação sobre o problema e também o acesso para o caminho da solução.

  Outra dica é que se o coxim do motor quebrar ou apresentar defeitos, o motorista pode parar o automóvel e chamar um serviço de reboque para, assim, conseguir chegar até a oficina mecânica mais próxima.

Como a maior parte das dificuldades, nunca é indicado prolongar problemas no coxim ou postergar sua ida ao mecânico de confiança. Quanto mais tempo demorar para resolver os problemas, desgastes e defeitos que possam surgir no coxim do motor, mais riscos haverá para a carroceria, para o próprio motor e, sobretudo, para o seu bolso e o seu planejamento financeiro.

É importante que o motorista perceba que negligenciar o problema pode trazer outras tantas dores de cabeça, o que impacta diretamente na rotina da família que utiliza o veículo e nos recursos financeiros disponíveis para o conserto do carro – uma vez que a conta pode ficar ainda mais salgada se o dano não for logo resolvido. E, na atual crise socioeconômica, gastos a mais e que podem ser evitados nunca são bem-vindos. Fique ligado!

Como identificar? 

Para identificar se o coxim de seu veículo está quebrado ou com defeito – ele pode passar por ressecamento e ganhar rachaduras, por exemplo, devido ao tempo de uso, o que faz o componente perder a capacidade de manter o motor silencioso – é necessário que o motorista se atento a alguns pontos. São eles:

  1. Balanço excessivo da alavanca do câmbio em arrancadas e freadas.
  2. Vibração excessiva no motor, manopla do câmbio e/ou no assoalho, mesmo quando o veículo está parado (porém, ligado).
  3. Quebra da junta homo cinética na parte do câmbio.
  4. Apresentar dificuldade ou resistência no engate de marchas.
  5. Alto barulho no motor, sobretudo, durante as arrancadas.

O que fazer quando o coxim do motor quebra?

Se você identificar que há algo de errado com o coxim do motor do seu carro, seja um desgaste ou um defeito ou qualquer outro sinal de mau funcionamento, é necessário chamar um profissional competente e de sua confiança para resolver o problema. Ou seja, é preciso contatar o mecânico de sua confiança.

Você pode tanto se dirigir até a oficina mecânica que está habituado a ir ou ainda para o carro e chamar um reboque para auxiliá-lo a chegar até a oficina mecânica mais próxima.

Vale reforçar que a responsabilidade do motorista em perceber mau funcionamento do veículo e a rapidez para solucionar qualquer problema que venha a surgir, como o desgaste do coxim de motor, faz com que o processo de conserto seja mais eficaz. Afinal, o defeito ou o dano é consertado em menor tempo e o valor de gastos a serem feitos com o veículo é menor.

Como prolongar a vida útil do coxim do motor 

Alguns cuidados na rotina do veículo e na condução do motorista podem fazer com a vida útil do coxim do motor se prolongue – e isso é ótimo para o veículo e também para o seu planejamento financeiro. Confira a seguir dicas para evitar o desgaste desta peça de seu automóvel. Spoiler: a manutenção de itens originais e a condução defensiva podem ser grandes aliados do coxim de motor do seu carro. 

– Dirija sempre com cautela.

– Respeite as leis de trânsito.

– Evite acelerações bruscas, principalmente saídas inclinadas, como lombadas, aclives, rampas, etc.

– Conduza seu veículo respeitando a velocidade compatível com a condição da rua, da avenida ou da rodovia.

– Mantenha o kit de suspensão original. Evite a instalação de suspensões esportivas, com menor altura em relação ao solo – ou seja, evite “rebaixar” o carro.

Quando trocar o coxim do motor? 

Sempre importante relembrar que o modo como o carro é utilizado, ou seja, a interferência do motorista, tem muita relação com a preservação ou o desgaste acentuado do coxim do motor. Em outras palavras, a durabilidade está diretamente relacionada a você, condutor.

Uma vez que a percepção de que algo pode estar errado no coxim do motor também costuma partir do motorista, é recomendado atenção. Sobretudo, mesmo que não surjam problemas aparentes ou perceptíveis aos ouvidos e ao tato do condutor, há a indicação que se faça a substituição do coxim de motor a cada três anos. E este período tem a ver com a própria forma como a peça é formulada e com a rodagem média dos veículos – dificilmente o coxim terá um funcionamento regular após este período. Portanto, fique atento.

É sempre válido lembrar que o motorista pode consultar a qualquer momento o manual de seu veículo. É neste documento que estão as especificações do carro e que podem lhe ajudar muito a entender o funcionamento do automóvel e seus períodos de manutenção e revisão – sem que necessariamente um desgaste seja apresentado.

Aos motoristas que costumam ter uma condução mais agressiva, aconselha-se a revisão desta postura. Além da segurança de todos, que deve sempre ser preservada, há uma questão prática e física na estrutura do veículo: a condução não defensiva e com muita aceleração faz com que o desgaste no veículo aconteça mais rapidamente – e isso inclui danos no coxim do motor. Tome muito cuidado com arrancadas, lombadas e buracos, por conta dos desgastes acelerados que podem aparecer – e consequentes prejuízos ao seu bolso.

Melhor preço encontrado

Na pesquisa on-line feita pela Zapay, em julho de 2022, foram encontrados coxins de carro para venda entre R$100 e R$350. 

É de extrema importância que o motorista leve o carro em serviço especializado e adquira produtos e serviços com profissionais de confiança.  

Dicas da Zapay

Dica 1: Você sabe o que é o intercooler do seu veículo e para que ele serve? Ou ainda: qual procedimento tomar se o intercooler estiver quebrado? Um spoiler: o intercooler é o componente que resfria o ar admitido pelo motor, o que faz aumentar seu rendimento volumétrico. Ele é uma espécie de radiador cuja função é resfriar o ar admitido pela turbina de um motor. Para sanar todas as suas dúvidas, a Zapay preparou este conteúdo explicando tudo o que você precisa sobre este componente do seu veículo. Acesse e confira! 

Dica 2: E o catalisador automotivo, você sabe para que serve? Trata-se de uma das partes do sistema de escape de um automóvel. Cabe ao catalisador converter as substâncias tóxicas liberadas pelo escapamento em substâncias inofensivas antes de serem expelidas para a atmosfera. Ou seja, um papel importante e que também está relacionado ao desempenho do seu veículo. Para entender mais sobre o catalisador automotivo, confira este artigo que preparamos para você. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.