aluguel de carro
Categories:

Veículos por assinatura: boa economia?

Será que é melhor comprar ou alugar um carro? Essa pergunta com certeza já passou pela cabeça de muitas pessoas que estão pensando em adquirir um veículo, já que com a alta nos preços dos carros, os carros por assinatura têm ganhado cada vez mais força no mercado. 

Segundo a Kelley Blue Book Brasil (KBB), empresa especializada em pesquisa de preços de veículos novos e usados, “os carros 0 km à venda no país em 2021 tiveram aumento médio de 9% ao longo dos 12 meses do ano, índice que sobe à 18,4% de inflação, considerando apenas os anos modelos 2022. Contudo, considerando apenas os carros mais vendidos do ano passado, a média de variação de preços deles foi de 25,4% no período”

Dentro desse cenário, carros por assinatura podem parecer uma boa alternativa. Mas será que representa uma boa economia? Levantamos alguns pontos cruciais sobre assinatura de carros para você avaliar se realmente é uma boa economia dentro das suas necessidades.  

O que é um carro por assinatura? 

Veículos por assinatura é uma forma de aluguel de carro que pode ser mensal ou anual,  geralmente oferecida por locadoras de veículos, seguradoras e até mesmo por aplicativos. E por não pesar logo de cara para o bolso do consumidor pode ser uma boa alternativa para quem está buscando um carro zero pra colocar na garagem.

A pergunta aqui é: vale abrir mão de adquirir um bem (o carro) para ter um mais rápido na garagem? 

Não há uma resposta definitiva, mas é importante levar em consideração fatores importantes, como a duração dos contratos de assinatura, seguros inclusos e limites de quilometragem, entre outros, para saber se vale a pena dentro das suas necessidades. 

Qual será a finalidade do carro? 

Estar consciente sobre a resposta para essa pergunta é o mais importante na hora de tomar a decisão sobre comprar ou assinar um carro. 

Se você praticamente nem sai de casa e só usa o veículo às vezes para viajar, talvez nem seja o caso de comprar ou assinar um carro. Você pode simplesmente alugar um carro para quando quiser viajar.  Além de não ser bom para o carro, mantê-lo parado por muito tempo, pois pode até gerar despesas maiores com a manutenção a longo prazo, vale lembrar que gastos com seguro e IPVA vão continuar existindo mesmo sem tirar o automóvel da garagem.

Agora se você vai utilizar muito o carro, sabe que vai rodar bastante é importante ficar atento na hora de colocar tudo na ponta do lápis,  pois os serviços de carro por assinatura estipulam limites de quilometragem, e se forem ultrapassados impõem o pagamento de um valor adicional, ou seja, pode acabar não valendo a pena dentro da sua necessidade. Talvez comprar um carro possa ser mais vantajoso, ainda mais se você percorrer longas distâncias. Veículos que rodam longas distâncias em estradas normalmente têm menos problemas, porque circulam por mais tempo em condições ideais para os sistemas do automóvel. 

Agora se no seu caso o objetivo é usar o veículo por um tempo determinado e não quer gastar grandes valores para ter um carro na garagem, a assinatura de carro pode ser uma boa saída.

Faça os cálculos

Antes de decidir fechar um carro por assinatura, você precisa fazer as contas e colocar na ponta do lápis todas as taxas e acréscimos que, eventualmente, você pode ter que desembolsar além do custo da assinatura que escolher. Leve em consideração a questão do limite de quilometragem, se o carro pode sair do país, custos de franquias do seguro, o que o seguro cobre, etc. A maior facilidade do serviço por assinatura é a burocracia é bem menor, já que as despesas com IPVA, licenciamento, seguro e manutenção já estão dentro do custo total da assinatura e você não precisa se preocupar. 

Para poder avaliar o custo, escolha o modelo do carro que você quer, como irá usá-lo e some o valor do carro e os gastos com documentação, seguro, combustível e manutenção anual e divida o pelo número de meses que vai ficar com o carro para saber o custo mensal do carro, dessa forma vai ter uma boa base para comparar com a mensalidade do carro por assinatura se vale a pena o negócio. Se você pensa em comprar o carro à vista e deseja ficar com ele por um longo período, talvez esse valor seja menor do que o de uma mensalidade de assinatura, por exemplo.

Vale lembrar que geralmente ao final do primeiro ano após a compra, um carro zero pode perder até 20% do seu valor. É uma grana perdida e ela deve entrar no cálculo na hora de comprar os custos da compra versus a assinatura de um carro novo.

Conclusão

Estude bem os valores e suas necessidades para conseguir o melhor negócio para seu bolso,  e lembre-se que se o seu foco não é um carro zero a compra se um seminovo pode ser uma boa alternativa para você avaliar também. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *