Categories:

Renach: entenda o que é e como consultar?

Você sabe exatamente o que são e para que servem todos os códigos e sequências numéricas que existem na sua CNH? Uma dessas sequências é conhecida como número Renach, ainda que o número seja apenas a sua identidade dentro de um sistema muito maior.

Para ajudar a desmistificar um pouco todas essas informações no documento, este artigo vai falar sobre o funcionamento do Renach, sua importância e como consultá-lo. 

O que é Renach?

Renach é a sigla para Registro Nacional de Condutores Habilitados, e funciona como um grande banco de dados, que armazena informações sobre o motorista, desde o início do processo de habilitação. De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), quem garante a integração de toda essa quantidade de informação é o Departamento Nacional de Trânsito, órgão máximo de trânsito no Brasil. Justamente por ser a autoridade principal para assuntos de trânsito, os demais órgãos, como o Detran, vinculam as informações de sua responsabilidade para que a Senatran – Secretaria Nacional de Trânsito (antigo Denatran) gerencie os registros dentro do Renach. 

Para que serve? 

O banco de dados Renach funciona basicamente como um sistema de controle de informações, que facilita o trabalho de todos os órgãos de trânsito nacionais.

Cada Detran – usando-o novamente como exemplo – colhe dados de motoristas de seus estados, como histórico de infrações cometidas, exames realizados, endereços já cadastrados, CNH cassada ou suspensa, enfim, muitas outras informações.

Da mesma forma, a Polícia Rodoviária Federal, responsável por autuações de trânsito em rodovias federais, possui seu próprio histórico de multas, por exemplo.

Agora imagine consultar todas essas informações espalhadas? E caso o motorista mude de estado? Esses dados devem ser migrados?

Todo o processo de consulta e análise de dados de motoristas do Brasil inteiro, fica muito mais eficiente com a existência de um banco de dados central, alimentado pelos órgãos e também consultado por eles. 

Onde encontrar o número do Renach na CNH?  

No verso da sua CNH, logo abaixo da data de emissão, você encontrará dois códigos. O Renach é aquele que começa com a sigla do estado onde você está registrado como condutor habilitado, continua com 9 algarismos:

SP000000000

Com esse número é possível ter acesso a todas as informações coletadas, conforme falamos no tópico anterior. Ainda sobre isso, é importante lembrar que a CNH, assim como seu número de registro, são apenas as comprovações de que você possui habilitação para conduzir um veículo.

No entanto, é no Renach que seu histórico durante todo o tempo de direção será registrado pelos órgãos oficiais.

Em caso de perda de CNH é preciso fazer um novo Renach?  

Existem duas situações aqui que podem causar dúvidas. A primeira está em compreender que o Renach não é um documento, mas um número de registro. No entanto, quando você inicia seu processo de habilitação, você recebe um papel onde são registrados todos os passos cumpridos dentro do Detran, como os exames práticos, testes e etc. De certa forma, aquele é o seu registro Renach sendo criado, mas ele deixa de ser físico assim que seu processo termina.

Se entre um teste e outro esse papel for perdido, você não poderá avançar, mas basta solicitar a impressão de uma segunda via, no próprio atendimento do Detran.

Por outro lado, em caso de CNH perdida, não é necessário que um novo número Renach seja solicitado. Ele estará guardado junto com as informações, já que cada motorista receberá um registro único.

Quando você solicitar a 2ª do documento, vai notar que o número impresso será o mesmo da CNH anterior.

Como consultar?  

As informações do Renach podem ser acessadas através do site do Detran do seu estado de registro, mas vale lembrar que nenhum motorista tem acesso total ao Renach, já que o controle é interno e serve para gerenciamento do Denatran e seus órgãos oficiais.

Outro ponto importante é que os Detrans são diferentes em cada estado, e tem autonomia para liberar ou não algumas informações do registro.

Da mesma forma, os sites de cada um são diferentes, mas normalmente a solicitação de acesso ao Renach pode ser feita pelas abas de serviços de “CNH”, “Motorista” ou “Habilitação”.  

O Renach consta valores de multas e licenciamento? 

As informações sobre pagamentos, guias e datas de vencimento não ficam registradas no Renach, uma vez que estas pendências estejam vinculadas diretamente ao veículo. No entanto, o histórico de que infrações de trânsito aconteceram, ficam registradas no sistema.

Ainda sobre multas e pendências com licenciamento, a Zapay pode te ajudar a não apenas fazer a consulta de débitos veiculares, como também pegar tudo parcelado sem sair de casa.

A Zapay tem um sistema integrado com os Detrans de 25 estados brasileiros, de todas as regiões do país. 

Conclusão

De todas as ferramentas de controle e gerenciamento utilizadas pelos órgãos oficiais de trânsito, o Renach é, provavelmente, a que mais facilita o gerenciamento das informações associadas aos motoristas. 

Ainda que o acesso e a utilização sejam majoritariamente para esses órgãos, é importante que todo motorista saiba que as suas informações são mantidas em histórico, e que eventuais problemas podem ser resolvidos através do resgate destes dados.

Se este conteúdo te ajudou a entender um pouco mais sobre os registros que todo motorista tem na CNH, saiba que o Blog da Zapay tem muitos outros conteúdos exclusivos que vão desde como recorrer de multas de trânsito, até dicas para trocar de carro e economizar no combustível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *