Saiba se utilizar o suporte de placa delete no carro pode fazer o motorista ser multado

No universo dos apaixonados por carros, novas tendências e modas surgem a todo instante. A “febre” mais recente é a chamada placa delete, que tem como objetivo melhorar a estética do carro. Mas, afinal, utilizar este dispositivo pode fazer o motorista ser multado?

O conceito de placa delete envolve a fácil retirada das placas de identificação do carro, a fim de deixar o visual mais “limpo” para fotografias. Isso é possível com a utilização de um suporte plástico especial, que pode ser encontrado em sites de vendas pelo preço médio de R$ 200. Em vez de ser fixada ao carro com parafusos, a placa é apenas encaixada no suporte. 

Placa delete o que é?

Posso ser multado por utilizar placa delete?

De acordo com a Resolução Contran nº 969, de 20 de junho de 2022, a Placa de Identificação de Veículos (PIV) deve ser afixada no habitáculo original do veículo em primeiro plano, na extremidade traseira e dianteira, em posição vertical, sem qualquer tipo de obstrução à sua visibilidade e legibilidade e deve ser fixada por elementos de fixação em no mínimo dois pontos destinados a este fim.

A Resolução é clara ao determinar que a placa de identificação deve sempre estar visível na dianteira e na traseira do carro, mas não estabelece o tipo de suporte que pode ser utilizado. Portanto, o motorista pode utilizar o suporte de placa delete, desde que não ande sem as placas fixadas ao veículo com o carro em movimento.

Placa delete dá multa infração?

Como a placa delete não é fixada diretamente ao veículo com parafusos, há o risco de que a identificação caia com o veículo em movimento sem que o motorista perceba, como ao passar por imperfeições, transpor buracos no asfalto ou atravessar enchentes. 

Vale ressaltar que rodar com o veículo sem placa é considerado uma infração de natureza gravíssima, com multa prevista no valor de R$ 293,47 e acréscimo de sete pontos na CNH do motorista. Além disso, o veículo pode ser apreendido, conforme previsto no artigo 230 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Saiba aqui quais são as exceções que permitem que o motorista circule sem placas.

Outro cuidado em relação ao suporte de placa delete é o uso na traseira com placas que não têm o padrão Mercosul. Ao contrário do modelo atual, as placas traseiras do antigo padrão têm o lacre, que nunca pode ser removido, como prevê o CTB. 

Placa delete dá multa?

Como consultar e pagar débitos do veículo? 

Além de evitar o uso da placa delete, os motoristas que desejarem manter a documentação do veículo e o status da CNH em dia podem consultar os débitos veiculares com a Zapay. Em nosso site ou aplicativo, você pode realizar a consulta gratuita de débitos (como IPVA, licenciamento e multas) de forma facilitada, utilizando apenas a placa do veículo. 

Em poucos segundos, é possível verificar os débitos em aberto e selecionar se deseja pagar todos de uma vez ou apenas parte deles. E o melhor: na Zapay, você pode realizar o pagamento à vista ou parcelado em até 12 vezes no cartão de crédito! É rápido, fácil e seguro.

Imagens: Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *