pessoa analisando carro
Categories:

Vistoria veicular: quando fazer?

Para quem acaba de tirar carteira ou para quem acaba de comprar um novo carro, a vistoria veicular anual pode parecer um pouco mais complicada do que parece. E é sempre importante lembrar que ela nunca pode deixar de ser feita. 

Vamos então explicar aqui para que ela serve, quando deve ser feita e como deve ser feita. Acompanhe!

Para que serve a vistoria veicular?

A vistoria veicular serve para analisar a documentação do carro, do proprietário do mesmo, e para garantir que esteja funcionando perfeitamente, poluindo o meio ambiente o mínimo possível. 

Ou seja, a vistoria veicular serve para garantir que os veículos circulando pelas cidades estão seguros para as pessoas, os motoristas e para a natureza.

Muitas unidades do DETRAN fazem esse serviço e você já deve ter visto uma certa fila de carros na porta, aguardando para serem vistoriados. Isso acontece porque todos os veículos, sem nenhuma exceção, devem passar por esse processo. Isso está no artigo 22 do Código de Trânsito Brasileiro – CTB.

Quando fazer a vistoria veicular?

A vistoria deve ser feita regularmente uma vez ao ano. Isso por veículo. Então, se no seu caso, existe mais de um carro no seu nome, você precisa fazer uma vistoria anual para cada. 

No entanto, você não pode esperar 12 meses para fazer a vistoria do ano seguinte. O processo deve acontecer em até 90 dias antes da data de vencimento. Isso porque pode haver reprovação pelo DETRAN na vistoria, por algum problema mecânico ou de documentação, e é preciso tempo para resolver as questões pendentes e conseguir a licença.

Como fazer a vistoria veicular?

Antes de mais nada, é preciso pagar uma taxa para agendamento da vistoria. Essa taxa pode variar de uma cidade para outra, de R$ 100 a R$ 250 para cada veículo. 

Depois você só precisa preencher um formulário do DETRAN que deve ser levado junto ao veículo e demais documentos no dia. Um ponto muito importante é que você só consegue marcar e realizar a vistoria se todos os documentos do carro estiverem em dia, assim como o pagamento de impostos como IPVA, taxas e multas do mesmo. 

Caso o veículo não esteja em dia, você precisará quitar os débitos para seguir com o serviço no DETRAN.  

Lembre-se sempre que não pagar os débitos obrigatórios faz com que você crie dívidas, aumente os juros e prejudique seu orçamento familiar. Planeje esses pagamentos obrigatórios e evite dívidas. A Zapay tem soluções que podem ajudar você no pagamento de taxas e multas, com parcelamento em até 12x no cartão de crédito e taxas menores.

Quais são as exigências da vistoria veicular?

Como mencionado acima, além de estar com a documentação em dia, com a parte mecânica do carro em bom funcionamento e com baixa emissão de gases poluentes, existe uma lista de exigências do Código de Trânsito Brasileiro.

Esses requisitos avaliados podem ser verificados por um mecânico de confiança antes mesmo de chegar no dia da vistoria, como por exemplo, a existência de um step no carro, o estados dos pneus, dos freios e dos vidros do carro. Ou seja, fazer a manutenção preventiva é muito importante para evitar problemas futuros.

Pronto, agora que você já sabe tudo sobre vistoria veicular, continue acompanhando os conteúdos do nosso blog para mais informações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *