O que é airbag?
Categories:

O que é airbag e quando é possível desativar?

Saiba como funciona o airbag do carro e em qual ocasião é recomendada a desativação do dispositivo

Desde 2014, todos os carros e comerciais leves zero-quilômetro vendidos no Brasil devem sair de fábrica obrigatoriamente com, ao menos, sistema de airbag duplo frontal. Junto do cinto de segurança, os airbags são um dos elementos de segurança passiva mais importantes dos veículos. Porém, em algumas ocasiões pode ser necessário desativar o airbag do lado do passageiro.

Antes de detalhar por que é possível desligar o airbag do passageiro, é preciso explicar o que é airbag. Este é um dispositivo de segurança passiva que é acionado quando o veículo sofre um grande impacto. Múltiplos sensores são utilizados para calcular a desaceleração do veículo e definir qual (ou quais) airbags serão ou não disparados. 

Airbag duplo frontal

No caso dos airbags frontais, o objetivo é evitar que os corpos dos ocupantes dos bancos dianteiros atinjam o volante, o painel do veículo ou o para-brisa. Há ainda os airbags laterais e os de cortina, que protegem a cabeça e o tórax dos ocupantes de choques contra as janelas laterais. Todos eles só funcionam corretamente quando os ocupantes estão com o cinto de segurança devidamente afivelado e posicionados corretamente no banco do veículo. 

A decisão sobre o disparo é feita em uma fração de tempo pelos computadores do carro, a fim de que a abertura das bolsas de ar aconteça antes que os ocupantes sejam projetados contra o painel ou vidros do veículo. Para isso, uma reação química acarreta no disparo de um gás que infla o airbag em 25 milésimos de segundo, tempo cerca de cinco vezes mais rápido que um piscar de olhos.

Airbag

Quem inventou o airbag?

O registro da primeira patente de airbag foi feito pela Daimler, holding dona da marca Mercedes-Benz, em 23 de outubro de 1971. O início do desenvolvimento da tecnologia começou 5 anos antes, em 1966. Somente em 1981 o airbag frontal para o motorista foi incorporado a um veículo de produção em série, com o Mercedes-Benz Classe S da geração conhecida como W126.

A partir de 1992, o airbag frontal para o passageiro (além do airbag do motorista) passou a vir de série nos modelos Mercedes-Benz Classe S, SL 400 e 500 (modelo 124). A evolução da segurança passiva continuou com o lançamento de novas bolsas de proteção, como o airbag lateral (1995), o airbag de cortina (1998), o airbag lateral para cabeça e tórax (2001), o airbag de joelhos (2009), o airbag lateral para tórax/pélvis (2013) e a bolsa de ar integrada ao cinto de segurança (2013). 

Em 2005, outra inovação surgiu com o sistema de abertura em dois estágios. Desta forma, o gerador de gás conseguiria inflar os airbags frontais em dois níveis, de acordo com a gravidade do acidente. Nos últimos anos, novos tipos de airbags surgiram, como o airbag central dianteiro e os airbags frontais para os dois passageiros das extremidades do banco traseiro.

O que é airbag?

Por que é possível desligar o airbag do passageiro?

Ainda que este item de segurança ajude a salvar vidas e seja primordial para diminuir a gravidade de lesões causadas por acidentes de trânsito, alguns veículos dispõem da possibilidade de desativar o airbag do passageiro em uma circunstância especial. Mas, qual é essa ocasião?

O airbag frontal do passageiro pode ser desativado para o transporte de recém-nascidos no banco da frente com o bebê-conforto. Embora o transporte de crianças no banco dianteiro só seja permitido para crianças com idade superior a 10 anos com mais de 1,45 m de altura, há uma exceção no CTB: em picapes de cabine simples ou outros veículos que só possuam bancos dianteiros, é permitido que crianças menores de 10 anos sejam transportadas na dianteira.

Como o bebê-conforto deve sempre ser instalado no banco de costas para o movimento do veículo – como vimos neste artigo sobre qual cadeirinha certa para cada idade –, se houver um impacto em que ocorra o disparo de airbags, a bolsa frontal pode empurrar o bebê conforto com violência contra o banco, podendo causar ferimentos graves. 

Por que é possível desligar o airbag do passageiro?

Como desligar o airbag do passageiro?

Se você tem um veículo que se enquadre nas regras para o transporte de crianças no banco da frente, deve desativar o airbag frontal ao utilizar um bebê-conforto. Busque no manual do veículo a indicação se há ou não uma chave de desativação do airbag disponível – em alguns carros, a desativação só é possível em concessionárias.

Nos veículos em que houver a chave de desativação, ela geralmente fica posicionada na lateral direita do painel, sendo acessível apenas com o veículo parado e a porta dianteira direita aberta. Para desativar o airbag do passageiro, insira a chave no miolo e gire para a posição “airbag off”. Uma luz de alerta ficará acesa no painel do veículo para alertar sobre a desativação da bolsa de ar. 

Tão logo o motorista encerre o transporte com bebê-conforto no banco dianteiro, o equipamento de proteção deve ser ativada novamente com a realização do procedimento inverso. Para isso, introduza a chave do veículo no miolo e gire-a até a posição “airbag on”. Com isso, a luz de alerta será apagada e o dispositivo do passageiro voltará a funcionar normalmente. 

Por que é possível desligar o airbag do passageiro?

Vale ressaltar que o airbag é seguro para o uso por crianças que utilizem outros dispositivos de retenção (cadeirinhas ou assentos de elevação) voltados para o sentido de movimento do carro ou para aquelas que necessitem apenas do cinto de segurança do próprio veículo.

Agora que você já sabe o que é airbag e quando é possível desativá-lo, que tal conferir outros conteúdos aqui no Blog da Zapay? Temos diversos artigos a respeito de manutenção automotiva, lançamentos, legislação de trânsito, multas e muito mais. E se você quiser realizar a consulta de débitos de veículo, pode contar com a Zapay para realizar o pagamento parcelado de multas, IPVA e licenciamento em até 12x! É rápido, fácil e seguro.

Imagens: Divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *