Placa delete dá multa infração?
Categories:

Placa de carro: aprenda a consultar

Confira as dicas da Zapay sobre placa de carro e como obter informações sobre o veículo a partir deste código. 

Saiba qual o caminho para consultar placa de carro, como fazer placa de carros consulta, como rastrear placa de carro, quanto custa uma placa e qual o critério para escolher letras e números. 

Leia nosso conteúdo e saiba mais!

Como saber todo o histórico de um veículo?

É possível conhecer e consultar todo o histórico de um veículo utilizando a base RENAVAM – Registro Nacional de Veículos Automotores. 

Segundo o Governo Federal, trata-se da consulta on-line a dados de veículo na base RENAVAM, que é um sistema que tem como principal finalidade armazenar os dados dos veículos que circulam no país. O RENAVAM armazena todo o histórico do veículo.

Um aviso importante: cada usuário tem acesso a cinco (5) consultas de veículos. Este serviço pode ser utilizado tanto por Pessoas Físicas (PF) quanto por Pessoas Jurídicas (PJ) – em ambos os casos, é necessário estar cadastrado no Portal de Serviços do SENATRAN (Secretaria Nacional de Trânsito).

Para realizar a consulta, o usuário deve primeiramente fazer o login no Portal de Serviços SENATRAN, usando o Certificado Digital ou CPF, além de uma senha. EM seguida, deve clicar em “Entrar com gov.br” no canto superior direito da sua tela e inserir os dados pessoais.

Após o login, é necessário localizar no canto esquerdo da página o bloco “Consulta” e ali clicar em “Veículo”.

O usuário deverá, então, informar o Código RENAVAM e placa do veículo, assim como o CPF ou CNPJ de seu proprietário, e clicar em prosseguir, quando serão exibidas as informações do veículo.

Outra forma de conseguir consultar o histórico do veículo é utilizando o Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN) de sua localidade.

Segundo o DETRAN SP, é possível obter o extrato das informações do cadastro do automóvel ou motocicleta, como data do último licenciamento, eventual existência de débitos, histórico do veículo, município de registro, números do RENAVAM, chassi, dentre outras. 

São aptas a solicitar este serviço de consulta no DETRAN as seguintes pessoas:

  1. Veículo de Pessoa Física – o proprietário do veículo.
  2. Veículo de Pessoa Física – o procurador do proprietário do veículo.
  3. Veículo de Pessoa Física – o parente próximo (cônjuge, pais, filhos e irmãos) ou companheiro do proprietário do veículo.
  4. Veículo de Pessoa Jurídica – o proprietário ou representante legal da Pessoa Jurídica.

Há dois caminhos para que a consulta possa ser feita:

Presencialmente:

O usuário deve ir até a unidade de atendimento de registro do veículo com todos os documentos solicitados. Atente-se: para atendimento presencial é necessário agendar previamente uma data pelo site do DETRAN.  

Via internet (Detran): 

Basta acessar o site do DETRAN de sua localidade. Por exemplo: https://www.detran.sp.gov.br/ (para São Paulo).

Não vacile e esteja atento quanto à documentação necessária para realizar a consulta pelo DETRAN:

Veículo de Pessoa Física – o proprietário do veículo: 

  • – Documento de identificação pessoal – original.
  • – Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo digital (CRLV-e) – impresso em folha sulfite branca A4, sem timbre, marca d’água ou equivalente.

Veículo de Pessoa Física – o procurador do proprietário do veículo:

  • – Documento de identificação pessoal do procurador – original. 
  • – Procuração – original. 

Observações: Para a procuração dada a advogado não é exigido o reconhecimento de firma. É necessário sinal público quando o reconhecimento de firma for feito em outro Estado.

– Carteira de inscrição de advogado na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), caso o procurador seja advogado – cópia simples.

– Documento de identificação pessoal do proprietário do veículo – cópia simples. 

– Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo digital (CRLV-e) – impresso em folha sulfite branca A4, sem timbre, marca d’água ou equivalente. 

– Outros documentos adicionais, se for o caso: em caso de documento, formulário ou declaração com reconhecimento de firma de outro Estado – necessário o Sinal Público.

  1. Veículo de Pessoa Física – o parente próximo (cônjuge, pais, filhos e irmãos) ou companheiro do proprietário do veículo:

– Documento de identificação pessoal do proprietário do veículo – cópia simples. 

– Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo digital (CRLV-e) – impresso em folha sulfite branca A4, sem timbre, marca d’água ou equivalente. 

– Documento de identificação pessoal do parente – original. 

– Comprovante de parentesco – original.

  1. Veículo de Pessoa Jurídica – o proprietário ou representante legal da Pessoa Jurídica: 

– Documento de identificação pessoal do representante da pessoa jurídica responsável pela solicitação do serviço na unidade de atendimento – original. 

– Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) – cópia simples.

– Contrato Social ou documento equivalente de criação da Pessoa Jurídica – cópia simples. 

– Comprovação de poderes para representação legal da Pessoa Jurídica – original ou cópia simples, conforme o documento apresentado.

– Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo digital (CRLV-e) – impresso em folha sulfite branca A4, sem timbre, marca d’água ou equivalente.

Como descobrir o nome do proprietário de um veículo pela placa?

É possível descobrir o nome de um proprietário de veículo, usando apenas a placa, no DETRAN. 

Outra opção é utilizando o app Sinesp Cidadão, aplicativo do Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública que permite ao cidadão consultas sobre veículos, mandados de prisão e desaparecidos.

Venha conhecer nosso aplicativo!

Com o app da Zapay você vai:

Parcelar tudo em até 12x com as menores taxas do mercado;

Ser avisado quando precisar renovar seus documentos.

APP Zapay

Como puxar a placa de um veículo? 

É possível também consultar placa de veículo utilizando os serviços da Zapay, que é sempre uma mão na roda. Aliás, nosso site oferece um reconhecido serviço de pagamento de débitos veiculares, além de muitas informações para você e seu veículo. 

Com o número da placa e o e-mail, você pode quitar o valor do seu IPVA em uma plataforma como a Zapay, por exemplo, que é autorizada e vinculada a 25 DETRANS pelo Brasil. Basta realizar o cadastro no site com e-mail e senha, consultar a dívida e selecionar a forma de pagamento.

Além de ser possível o pagamento nas plataformas on-line, você também pode regularizar o IPVA dentro das próprias agências do DETRAN, algumas já possuem em suas unidades, empresas de crédito autorizadas.

Com a Zapay – tanto no site quanto no app –, você ainda resolver pendências com licenciamento, multas, DPVAT (Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres, ou por sua Carga, a Pessoas Transportadas ou Não), dentre outros débitos veiculares.

Como baixar o APP Zapay

Se você ainda tem algum receio em realizar um pagamento tão essencial pelo app, ou deixar nas mãos de uma empresa terceirizada essa responsabilidade, a gente se apresenta de novo. 

A Zapay presta serviços em 25 estados do nosso país e possui a maior cobertura nacional de consulta de veículos, integrados aos DETRANs de todas as regiões do Brasil. 

Isso só mostra o comprometimento que temos com um bem tão valioso para você e com o pagamento de impostos que permitem que você, amigo condutor, usufrua desse bem com toda a tranquilidade do mundo. 

Além disso, aqui na Zapay, seu desejo é uma ordem! Procuramos atender a preferência de cada motorista, seja os que desejam pagar os débitos on-line ou os mais tradicionais, que ainda preferem quitar os seus impostos em postos físicos. 

É mais conforto para o motorista e sua família! 

Fique por dentro do nosso passo a passo:

  1. Baixe o app da Zapay e consulte os débitos pela placa do veículo. No caso deste artigo, você deve consultar os relativos ao IPVA.
  2. Se existirem débitos de seu automóvel ou moto em aberto, estas informações aparecem na tela. É preciso se cadastrar na Zapay e criar um usuário e uma senha. Com esta ativação, você poderá selecionar o débito que deseja pagar ao clicar no botão “Pagar agora”.
  3. Em seguida, escolha a forma de pagamento que melhor cabe no seu bolso e no seu planejamento familiar. É possível efetuar a quitação em até 12 vezes no cartão de crédito, fazer um PIX, pagar via boleto, TicketLog ou ainda voucher. É só escolher a opção que lhe deixa mais confortável e efetuar o pagamento.

Quanto custa uma placa de veículo? 

Comprar um veículo zero é sempre uma conquista importantíssima na vida das famílias. E nada pior do que ter dores de cabeça diante de um sonho realizado. Por isso, é importante que você fique atento ao prazo de emplacamento – transitar por mais de 15 dias sem placa é uma infração gravíssima, com multa e sete (7) pontos descontados da carteira de habilitação.

O valor do emplacamento de veículo pode variar, pois depende da situação. Caso sejam necessários serviços terceirizados, por exemplo, isso pode fazer com que o preço oscile – é o caso das vistorias. 

Considere também que anualmente há mudanças nas taxas de emplacamento. Lembrete: tanto o processo quanto os valores de emplacamento apresentam mudanças a depender do DETRAN de cada localidade. 

Em média, emplacar um veículo custa entre R$80 e R$150. Já um laudo de vistoria custa, em média, entre R$100 e R$150. A placa Mercosul, por exemplo, varia entre R$170 e R$250 reais.

Segundo explica o DETRAN SP (Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo), não há recolhimento de taxa para o emplacamento no padrão Mercosul. Desse modo, o valor será informado pela própria empresa de estampagem. Neste caso, não haverá intervenção do DETRAN SP.

O valor do primeiro emplacamento também pode variar de um estado para outro. O DETRAN MG destaca que no território mineiro o primeiro emplacamento custa R$233,74, por exemplo.

Em média, o preço varia entre R$230 e R$600 para o primeiro emplacamento no Brasil.

Como escolher letras e números da placa? 

É possível escolher os números e letras da placa do seu veículo zero quilômetro com agendamento prévio. No DETRAN SP, por exemplo, este serviço cobra uma taxa de 

R$ 123,79. O departamento de trânsito explica que a escolha se dá de três formas: apenas letras, apenas números ou a placa completa. 

Porém, é importante dizer que a personalização da placa poderá ser feita apenas dentro das opções alfanuméricas disponíveis para cada estado e desde que já não tenha sido utilizada em outro veículo. 

Cada Estado utiliza uma faixa específica de combinação de letras e números determinada pelo DENATRAN (Departamento Nacional de Trânsito). Confira essa distribuição:

Paraná – AAA 0001 a BEZ 9999

São Paulo – BFA 0001 a GKI 9999

Minas Gerais – GKL 0001 a HOK 9999

Maranhão – HOL 0001 a HQE 9999

Mato Grosso do Sul – HQF 0001 a HTW 9999

Ceará – HTX 0001 a HZA 9999

Sergipe – HZB 0001 a IAP 9999

Rio Grande do Sul – IAQ 0001 a JDO 9999

Distrito Federal – JDP 0001 a JKR 9999

Bahia – JKS 0001 a JSZ 9999

Pará – JTA 0001 a JWE 9999

Amazonas – JWF 0001 a JXY 9999

Mato Grosso – JXZ 0001 a KAU 9999

Goiás – KAV 0001 a KFC 9999 – NFC 0001 a NGZ 9999

Pernambuco – KFD 0001 a KME 9999

Rio de Janeiro – KMF 0001 a LVE 9999

Piauí – LVF 0001 a LWQ 9999

Santa Catarina – LWR 0001 a MMM 9999

Paraíba – MMN 0001 a MOW 9999

Espírito Santo – MOX 0001 a MTZ 9999

Tocantins – MVL 0001 a MXG 9999

Alagoas – MUA 0001 a MVK 9999

Rio Grande do Norte – MXH 0001 a MZM 9999

Acre – MZN 0001 a NAG 9999

Roraima – NAH 0001 a NBA 9999

Rondônia – NBB 0001 a NEH 9999

Amapá – NEI 0001 a NFB 9999

Aqueles que não desejarem indicar números e letras personalizados, poderá continuar escolhendo entre 20 combinações alfanuméricas aleatórias fornecidas pelo sistema de cada DETRAN, sem necessidade de pagar taxa extra. 

Um ponto de atenção: uma vez iniciado o procedimento de primeiro registro com uma das 20 opções disponibilizadas, não é possível optar pela escolha de placas. 

No caso de veículos já emplacados, não é possível solicitar a troca da placa para escolher letras e números específicos. Lembre-se: a placa é a identificação do veículo e deve acompanhá-lo até a sua baixa definitiva, conforme prevê a legislação federal de trânsito.

Como ver no nome de quem está o veículo?

É possível fazer essa consulta ao acessar o site do DETRAN, da Zapay ou ainda na base RENAVAM, conforme já mencionamos neste artigo.

Dicas da Zapay!

Dica 1: Saiba o que é uso severo do carro

Dica 2: Conheça o que é e como funciona o freio do motor. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *