Categories:

Como consultar veículo pelo CPF?

Qual seria o caminho para consultar veículo pelo CPF? A Zapay lhe explica o passo a passo sobre como obter os dados do seu veículo, tanto no SENATRAN quanto no DETRAN. Spoiler: é bastante simples e rápido.

Mas e “consultar veículo pelo CPF grátis”, pode? Esses termos fazem total sentido, na busca do Google e também na prática. A consulta de veículo pelo CPF é um direito de todo cidadão e é um serviço gratuito oferecido pelo Governo Federal, através da base RENAVAM e da base do DETRAN.

Fique por dentro sobre os dados do seu automóvel ao embarcar neste conteúdo com a gente!

Como encontrar um veículo pelo CPF?

Existe um caminho fácil e prático para que o cidadão possa encontrar os dados de um veículo utilizando para tal o número do CPF (Cadastro Pessoa Física). Trata-se da consulta na base RENAVAM (Registro Nacional de Veículos Automotores).

Este é um sistema que tem como principal finalidade armazenar os dados de todos os veículos que circulam no Brasil, segundo o Governo Federal. Afinal, o RENAVAM armazena todo o histórico do veículo, desde sua fabricação até o dia em que ele não mais circula nas vias públicas.

Cada usuário tem acesso a cinco (5) consultas de veículos. Este serviço pode ser utilizado por Pessoas Físicas e Entidades Públicas ou Privadas que estejam cadastradas no Portal de Serviços do SENATRAN (Secretaria Nacional de Trânsito).

O Governo Federal alerta que, em caso de necessidade de um volume maior de consultas, as entidades públicas e privadas estão aptas a solicitar autorização ao SENATRAN e, assim, contratar o serviço de Consulta On-line SENATRAN.

Cada usuário deve percorrer o seguinte caminho para realizar a consulta utilizando o CPF:

  1. Fazer o login: o cidadão deve realizar o login no Portal de Serviço SENATRAN com o Certificado Digital ou o Login com CPF e senha. Vale dizer que o Certificado Digital é uma identidade eletrônica de uma empresa ou de uma Pessoa Física – no caso aqui mencionado, este documento é válido para Pessoas Jurídicas, apenas.
  2. Em seguida, o usuário deve clicar em “Entrar com gov.br”, que consta no canto superior direito da tela. O passo seguinte é inserir os dados solicitados.
  3. Realizar a consulta:  nesta etapa, o usuário deve localizar o bloco “Consulta” e clicar em “Veículo”. Dica: este bloco está localizado no canto esquerdo da tela.
  4. Depois, é necessário informar o código RENAVAM e a placa do veículo, bem como o CPF ou o CNPJ do proprietário. Ao clicar em prosseguir, as informações sobre o veículo serão exibidas na tela.

Resumindo: para acessar as informações do seu veículo no sistema RENAVAM tenha em mãos os seguintes documentos: número da placa do automóvel ou da motocicleta, código RENAVAM do veículo, além de CPF ou CNPJ do proprietário do carro.

Vale dizer que este é um serviço gratuito.

Consulte sua placa grátis




Dica da Zapay: hey, amigo condutor! Você sabe como dar baixa no veículo? Confira este conteúdo que preparamos sobre o tema e aprenda o que é o processo de baixa de veículo, como dar em veículo com débito, o valor deste processo, os cuidados na hora de transferir o veículo, dentre outras dicas!

Como saber se tem veículo em meu nome pelo CPF?

Além da opção utilizando a base do RENAVAM, via Portal de Serviços do SENATRAN, o cidadão pode saber se há um veículo em seu nome através do DETRAN (Departamento Estadual de Trânsito). Para esta consulta, utiliza-se também o CPF do usuário.

Por exemplo, para acessar a Certidão de Propriedade, o cidadão deve informar seu CPF ou CNPJ. Trata-se de um serviço que emite a certidão de propriedade negativa ou positiva de automóvel para o CPF ou CNPJ informado. Este documento informa se existe ou não algum veículo cadastrado na base de dados do DETRAN e da Secretaria Nacional de Trânsito.

Como consultar veículo pelo nome do proprietário?

Não é possível consultar um veículo utilizando apenas o nome do condutor, afinal, há dados mais seguros que podem servir como base, como o CPF e o CNPJ – conforme você já aprendeu neste artigo – além do número do REVANAM e o número da placa do automóvel.

A Zapay é uma ótima opção para você saber como está a situação burocrática do seu veículo. Você só precisa inserir dados como a placa do veículo e o seu melhor email em nossa plataforma para saber quais são as pendências veiculares existentes. Ah, e você não paga nada por fazer essa consulta.

O sistema base da Zapay é o do DETRAN e, não à toa, nós temos a maior cobertura nacional de consultas de veículos, uma vez que estamos integrados a 25 Departamentos Estaduais de Trânsito de todas as regiões brasileiras.

Dica: você pode pagar os seus débitos de veículos on-line ou ainda em um dos postos físicos espalhados pelo país.

Quer ainda mais facilidade? Então, conheça o app Zapay. Nele, é possível também parcelar multas, IPVA e licenciamento em até 12 vezes no cartão de crédito, com as menores taxas do mercado, consultar multas e impostos, além de ser avisado quando for necessário renovar os documentos.

Venha conhecer nosso aplicativo!

Com o app da Zapay você vai:

Consultar seu IPVA, licenciamento e Multas;

Parcelar tudo em até 12x com as menores taxas do mercado;

Ser avisado quando precisar renovar seus documentos.


APP Zapay

Como saber todos os carros que estão no meu nome?

Para saber quais são todos os veículos que estão em seu nome, o cidadão também pode contar com o Portal de Serviços da SENATRAN. Trata-se da consulta on-line a dados do veículo de um cidadão que esteja logado no referido portal de serviços.

Com esta consulta, o usuário poderá ainda ter acesso as seguintes informações e funcionalidades:

  1. Lista de veículos cujo proprietário seja o usuário que realizou login no Portal de Serviços do SENATRAN.
  2. Dados detalhados de identificação inerentes ao veículo selecionado.
  3. Detalhes dos indicadores da situação do veículo, como restrições, roubo/furto, existência de recall, multa RENAINF, comunicação de venda (veículo selecionado).
  4. Infrações do automóvel e seu detalhamento.
  5. Indicação de principal condutor. Nesta funcionalidade, o usuário pode indicar o principal condutor de um veículo específico, sendo que este condutor indicado deve possui categoria compatível com a do veículo selecionado.

Podem utilizar estes serviços Pessoas Físicas que possuam CNH Digital ativa – para tal, é preciso ter feito validação presencial no DETRAN ou validação facial no aplicativo Carteira Digital de Trânsito – e eu estejam autenticadas no Portal de Serviços do SENATRAN, por intermédio do login com Certificado Digital ou login com CPF e senha no próprio portal, conforme já explicado neste artigo.

Ainda: estes serviços podem ser utilizados por Pessoas Jurídicas que possuam Certificado Digital cadastrado no Portal de Serviços do SENATRAN.

Saiba mais sobre a importância do RENAVAM

Não é exagero dizer que o RENAVAM tem ainda mais relevância do que a placa do automóvel, afinal ele é o documento identificador do veículo. Em uma comparação prática, é como se ele fosse o CPF do ônibus, da moto ou do carro em questão. Ou seja, é ele quem torna cada veículo automotor único aos olhos desta base de dados.

Todo o histórico do veículo está no sistema RENAVAM, desde a informação de fabricação, os nomes dos proprietários e até mesmo as modificações. Vale dizer que o número do RENAVAM de um veículo nunca muda – ou seja, ele é o mesmo desde a fabricação até o desmonte do automóvel.

O número do RENAVAM vem impresso na parte superior do CRLV – Certificado de Licenciamento do Veículo.

Resumindo: o dono do veículo pode acessar todo o histórico de multas, impostos, taxas e restrições que o automóvel possa ter passado a partir dos dados da base RENAVAM. Se houverem bloqueios judiciais ou ainda débitos, os dados do RENAVAM vão revelar.

Vale dizer que tais informações são de livre acesso, podendo ser acessadas nos sites e plataformas oficiais de órgãos dos âmbitos municipal, estadual e federal de trânsito.

Ao acessar a base RENAVAM o condutor poderá obter informações como:

  1. Marca, modelo, ano de fabricação, ano do modelo, cor, combustível e município de registro do veículo.
  2. Espécie, categoria, tipo e quantidade de passageiros que o veículo está homologado para transportar.
  3. Restrições e bloqueios de furto e roubo, tributárias, financeiras, administrativas, judiciárias e de guincho.
  4. Multas e detalhamento de multas.
  5. Débitos do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores).
  6. Débitos do seguro obrigatório DPVAT.
  7. Débitos de licenciamento.

Curtiu o conteúdo e quer ficar sempre atualizado? Acompanhe nosso blog e as redes sociais:


Instagram


Facebook


Youtube

4 comentários: “Como consultar veículo pelo CPF?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *