Categories:

Tabela Fipe de carros: o que é e como usar?

Todo mundo que já comprou ou trocou de carro, ouviu falar da tabela Fipe em algum momento. Se você está pensando em fazer isso pela primeira vez, está aí uma excelente oportunidade para conhecê-la.

A Tabela Fipe foi criada em 2000 pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, com o objetivo de reunir informações de todos os tipos de automóveis em circulação no Brasil. O objetivo era facilitar a compra e venda de carros no país, baseado no valor venal, determinado através de pontos como ano, modelo e marca.

Atualmente a Tabela Fipe é reajustada mensalmente, o que impacta também o valor de avaliação dos carros. Os valores definidos ali são baseados em situações médias, e servem apenas como um agente moderador. Claro que no momento da negociação, a realidade pode ser outra, a depender da situação como integridade física do carro.

Como consultar a tabela Fipe?

Qualquer um pode consultar a tabela. Ela é claramente mais utilizada para pessoas que negociam a compra e venda de carros com mais frequência, como concessionárias e revendedoras, mas o proprietário comum pode consultá-la para ter ideia de quanto seu veículo vale no mercado.

O melhor lugar para consultar valores e outras informações, é no próprio site da Fipe. Ao acessá-lo, um menu no centro da página mostra a opção de consultar a tabela. Ali é possível fazer pesquisas comuns, onde você preenche as informações do carro de interesse, ou ainda pesquisas pelo código Fipe. Esse código é gerado quando alguém já fez uma pesquisa. Com esse código você pode acessar diretamente a informação.

Como ver preço na tabela fipe de carros

Ao acessar a tabela através do site da Fipe, a pesquisa comum vai lhe pedir para selecionar informações simples como a marca e o modelo do carro. Depois, com essa informação a pesquisa lhe mostra os anos de fabricação, para que você faça sua opção.

O segundo passo já é o resultado da sua pesquisa. Uma janela abaixo da seleção das informações vai aparecer, com os dados selecionados, o código Fipe para que você guarde ou envie para outros interessados, além do mês de referência da pesquisa e o valor médio de avaliação.

Além de carros, a Tabela Fipe também faz pesquisas para caminhões, micro-ônibus e motos.

Tabela fipe e depreciação de veículos

A depreciação é a perda de valor agregado de um produto com o passar de um determinado período de tempo. Dessa forma, no caso da Fipe, é natural pensar sobre a necessidade de considerar a depreciação de um carro, conforme aquele modelo e marca vão passando pelos meses ou pelos anos.

Uma vez que a Tabela Fipe ofereça ao mercado esse valor médio utilizado na compra e venda, é claro que eles precisam estimar quanto valor o carro perde com o tempo.

Para quem decide comprar um carro 0km, saiba que é importante considerar a depreciação também para ele. Ao sair da montadora para a concessionária, o veículo começa a perder suas características originais.

Como calcular a depreciação do veículo?

O cálculo é muito simples, mas é importante lembrar que estamos falando de uma média, e que muitos outros fatores podem influenciar o valor de avaliação.

Como estimar o valor médio:

·         Divida o valor do carro 0km por 5, para saber o valor médio de depreciação anual. No caso de o veículo não ser 0km, pesquise por quanto ele era vendido na época.

·         Divida o valor anual por 12, para saber de quanto é a depreciação mensal.

Se você já tem o veículo há alguns anos, ou pretende comprar ou trocar o seu por um seminovo, consegue ter uma ideia da apreciação que o seu teve durante o período que o teve.

O resultado do cálculo pode assustar, mas calma. Como dissemos acima, os valores aplicados pela Fipe são referenciais, já que desconsideram o estado do carro. Mais do que isso, a média pode flutuar, já que existem estados onde alguns modelos são mais procurados do que outros.

O que pode aumentar ou diminuir a depreciação?

Tudo pode influenciar. Não apenas o estado de conservação, integridade de peças internas e, principalmente, aspecto exterior. Sabemos que as pessoas são atraídas pelo visual.

Ainda assim, detalhes que às vezes não nos atentamos, podem influenciar, como a cor do veículo. Tradicionalmente, um carro branco costuma ter depreciação maior, já que as chances de terem sido veículo de frota, é maior.

Da mesma forma, carros importados desvalorizam mais rapidamente. Isso acontece porque a manutenção, seguro e IPVA também são maiores. Por outro lado, carros populares desvalorizam mais devagar. Em média 20% em 2 anos.

Relação da tabela Fipe com o IPVA

Talvez você não saiba, mas o cálculo do IPVA leva em consideração a alíquota do valor médio da Fipe. Logo, a relação é total.

Valores e prazos de pagamento podem variar de acordo com o estado, já que cada Detran é independente, ainda que sigam o Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Além de detalhes a respeito das principais características do imposto, temos um conteúdo completo sobre como calcular o IPVA, que pode te ajudar bastante no futuro.

Relação da tabela Fipe o seguro do carro

Esse é um assunto que gera algumas polêmicas e desinformação para muitos proprietários de veículos.

A relação da tabela Fipe com o pagamento de indenização é total. Isso porque as seguradoras dependem do valor avaliado no momento do pagamento, e é aí que o desconhecimento pode prejudicar o segurado.

Imagine que você comprou seu veículo 0km e contratou o seguro em julho de determinado ano. Infelizmente, em novembro você se envolveu em um acidente com sinistro e o veículo foi considerado irrecuperável. A seguradora fará o trâmite burocrático normal, e sua indenização será paga. No entanto, o valor considerado para pagamento será o da tabela Fipe de novembro, e não do mês de aquisição do carro.

Outro detalhe é que itens adicionais não serão considerados, como rodas de liga leve, compras a parte, luzes, som e etc. Tudo é considerado conforme o modelo original.

Quer conhecer um pouco mais dos fatores que envolvem a contratação de uma apólice? Nosso artigo sobre seguro para carros pode te ajudar a decidir e conhecer mais sobre o que precisa ser considerado.

2 thoughts on “Tabela Fipe de carros: o que é e como usar?

  1. Opa até que fim consegui achar a informação que estava
    precisando sobre esse assunto. Infelizmente são poucos
    sites no qual encontrei com a informação correta e bem
    escrito. Obrigado e compartilhei nio meu facebook com
    alguns colegas.

    1. Que incrível! Ficamos felizes em saber que gostou e compartilhou o nosso conteúdo, trabalhamos para entregar a informação correta e de fácil entendimento a todos. Volte sempre e continue nos acompanhando!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *