Imagem de um agente realizando a vistoria veicular para transferência de proprietário.
Categories:

Vistoria veicular para transferência: tudo o que você precisa saber

Tire suas dúvidas sobre a vistoria veicular para transferência – um procedimento obrigatório em situações como a compra e a venda de um carro (ou de uma moto, por exemplo).

Coloque o cinto de segurança e embarque nessa com a Zapay!

O que é vistoria veicular para transferência 

A vistoria de carro para transferência é uma maneira de avaliar se o veículo encontra-se em boas condições de uso para transitar pelas vias públicas brasileiras. Sendo que o veículo automotor em questão pode ser motocicleta, automóvel, ônibus, van, caminhão, dentre outros.

Desse modo é necessário fazer a vistoria para transferência de veículo, bem como o laudo cautelar. Assim, as condições nas quais o automóvel se encontra serão validadas pelo órgão estadual responsável antes que o carro seja passado para frente (situação de compra e venda, por exemplo).

Se o veículo não tiver a aprovação na vistoria veicular, ele não poderá transitar pelas vias públicas brasileiras. A mesma punição é aplicada com a transferência de veículo, que, caso não seja regularizada, impede o dono do carro de circular – afinal, ela não pode ser feita caso o automóvel não esteja com o laudo positivo após ser vistoriado.

Se você quer saber mais sobre vistoria reprovada, confira esse outro artigo específico sobre o tema.

Entenda a importância da vistoria de transferência 

É válido frisar que a vistoria veicular para transferência é de suma importância para garantir que os veículos estejam em condições seguras para o uso das vias públicas brasileiras. 

Este cuidado é fundamental para trazer mais segurança aos condutores e passageiros, bem como aos demais membros do trânsito.

Em outras palavras, a vistoria veicular para transferência também é um procedimento fundamental para garantir que o carro está apto para transitar – bem como é uma maneira de evitar dores de cabeça para compradores (e até mesmo para os vendedores, no caso de compradores mal intencionados que queiram alegar algo para tirar vantagem depois da transferência do veículo).

aperto de mãos entre vendedor e comprador do carro após vistoria veicular para transferência.

Quem paga: vendedor ou comprador? 

Esta é uma dúvida bastante comum, amigo condutor. De modo geral, quem paga pela vistoria veicular para transferência é o vendedor, mas isso não é uma regra e sempre está aberto nas negociações. 

Cabe ao comprador e ao vendedor negociarem os melhores termos entre si, mas é importante ter em mente que não é raro que o comprador pague pela vistoria para transferência de veículo – e, caso haja reprovação no laudo de vistoria veicular, as melhorias devem ser arcadas pelo vendedor, claro!

Saiba onde realizar uma vistoria de carro para transferência 

Se você quer saber  onde fazer vistoria veicular, saiba que para realizar a vistoria para transferência de veículo é necessário levá-lo ao Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN) de sua localidade. 

É importante frisar que cada Unidade Federativa tem seu representante do órgão – que pode ser a CIRETRAN (Circunscrição Regional de Trânsito), por exemplo.

Tenha em mente que, apesar das semelhanças, as regras podem ser diferentes por conta do responsável pela vistoria do seu estado – devido à autonomia que cada Unidade Federativa tem.

Desse modo, a validação da vistoria para transferência de veículo apenas pode ser realizada pelo estado de registro do carro ou da moto – e não por outras Unidades Federativas, fique ligado a este detalhe.

Por exemplo, se o seu carro for registrado no Pará, o DETRAN do Tocantins não pode realizar a vistoria de transferência. Se isso ocorrer, o laudo será considerado invalido.

Dica Zapay: saiba como fazer a transferência de veículo online

Como encontrar uma ECV 

Quando o assunto é vistoria para transferência de veículo, o amigo condutor possivelmente ouvirá falar sobre ECVs. Mas o que seria essa sigla? 

As ECVs são as Empresas Credenciadas de Vistoria, instituições privadas as quais têm a autorização do DETRAN para fazer a inspeção do automóvel, nelas é possível agendar a vistoria para transferência, por exemplo.

Todas estas empresas seguem o mesmo padrão de avaliação, o qual foi implantado pelo Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), de modo ainda a seguir a legislação federal.

Segundo a Resolução nº 716, do artigo 5º, parágrafo 6 do CONTRAN: “A Pessoa Jurídica credenciada pelos órgãos e entidades executivos de trânsito dos Estados e do Distrito Federal somente poderá operar o Programa de Inspeção Técnica Veicular após a concessão do acesso ao sistema eletrônico específico, cabendo ao órgão ou entidade responsável pelo credenciamento a fiscalização da conformidade dos serviços prestados”.

Entenda o que é avaliado em uma vistoria de transferência de veículo 

Mais um ponto crucial é saber o que é avaliado em uma vistoria para transferência de veículo, amigo condutor. Nesse sentido, há três critérios principais, que são:

  • a propriedade do veículo é legítima.
  • a documentação dele é autêntica.
  • o carro apresenta condições seguras para uso.

Neste contexto, na vistoria de identificação veicular e documental, serão avaliadas a autenticidade do veículo e de sua documentação, a legitimidade da propriedade, a existência dos equipamentos obrigatórios e seu funcionamento, alterações de características do veículo e se elas estão devidamente regularizadas, dentre outros.

Agente realizando a vistoria veicular para transferência, ele está inspecionando a parte inferior do carro, que está suspenso.

Confira alguns dos principais pontos que são avaliados em uma vistoria de transferência de veículo:

Equipamentos obrigatórios 

Na hora de fazer a vistoria para transferência de carro, tenha em mente que os itens variam, a depender do tipo de veículo. No caso de carros, alguns dos equipamentos verificados são:

  • Chave de roda, macaco e triângulo.
  • Pala interna (quebra-sol).
  • Buzina.
  • Hodômetro.
  • Retrovisores.
  • Pneus.
  • Sistemas de iluminação (faróis, lanternas, luzes de freio e de ré).
  • Limpador de para-brisa.
  • Cintos de segurança.

Caso o carro seja aprovado, será emitido o laudo de vistoria aprovado que permitirá a continuidade com a transferência do veículo. Contudo, se o automóvel não for aprovado, será emitido no laudo “reprovado”, de modo a informar os motivos para tal reprovação, para que as providências necessárias sejam tomadas. 

Modificações realizadas 

O vistoriador  também examina o automóvel para constatar se existe alguma alteração de característica e se ela está regular. Neste contexto, as alterações de características mais corriqueiras são:

  • Troca de carroceria em caminhões (aberta ou fechada).
  • Inclusão de farol de led.
  • Modificação de suspensão veicular (veículo rebaixado).
  • Películas mais escuras do que as permitidas pela legislação.
  • Diâmetro do conjunto roda/pneu alterado.
  • Modificação de combustível.
  • Modificação de potência.
  • Inclusão de blindagem.

Dica da Zapay: fique ligado sobre a importância da direção defensiva e confira o nosso guia de placas de trânsito

Consulte a placa do veículo e verifique se ele tem débitos 

A Zapay é uma mão na roda quando o assunto é o pagamento de débitos veiculares. Aqui é possível consultar gratuitamente a placa do automóvel para saber se há débitos veiculares pendentes (multas, ipva, licenciamento…).

Somos parceiros credenciados à SENATRAN e a 25 DETRANs pelo Brasil. Temos um sistema integrado que possibilita essa consulta gratuita em poucos segundos. A gente nasceu com o propósito de facilitar a vida do brasileiro, percebeu?

Ah, e tem mais: aqui o motorista pode parcelar multas, impostos e demais tributos em até 12 vezes no cartão de crédito. Sim, dá até pra pagar o IPVA no cartão de crédito, é isso mesmo. 

Também é possível utilizar também PIX, boleto, Ticketlog e Voucher. Basta escolher a opção que preferir. Use a tecnologia ao seu favor e chega de filas! 😉

Lembre-se: estar com os débitos veiculares em dia faz parte das boas práticas na hora da vistoria veicular para transferência.

Consulte gratuitamente a sua placa logo abaixo para verificar se há pendências:

Consulte sua placa grátis

E então, tá afiado pra fazer a vistoria de transferência veicular?

Agora que você já entendeu os principais pontos que envolvem a vistoria veicular para transferência, ficou mais fácil de realizar o procedimento para vender ou comprar carro usado, não é mesmo?! 

Transferência de carro e transferência de moto parece um bicho de sete cabeças, mas não é. Agende, fique atento aos prazos, continue buscando informação sempre que precisar e acredite: você consegue!

Continue acompanhando o nosso blog e fique por dentro das novidades em primeira mão. Temos também um canal no youtube recheado de vídeos incríveis!

Avatar image of Zapay
Written by

Zapay

A Zapay nasceu em 2017 para facilitar a vida dos proprietários de veículos! Somos os únicos parceiros credenciados à SENATRAN e a todos os 27 DETRANs do Brasil. Trabalhamos duro para que você, motorista de carro, moto ou caminhão, tenha mais praticidade para realizar diversos pagamentos, processos burocráticos e consultas relacionadas ao seu veículo. Temos mais de 20 MILHÕES de clientes espalhados por todo o pais. Ah, fazemos questão de compartilhar todo o conhecimento e a experiência que a gente tem aqui em nosso blog. Amamos tudo sobre o universo automotivo. Dar dica boa, é com a gente mesmo!