Número do chassi
Categories:

Número do chassi: o que significa e onde consultar

Que cada motorista considera o seu próprio carro, moto, ônibus ou caminhão, além de outros veículos automotores, único, isso a gente já sabe. Mas essa exclusividade vai além do apreço e do afeto que os proprietários podem ter com os seus automóveis.

Cada veículo é, de fato, único, segundo alguns documentos, como o RENAVAM (Registro Nacional de Veículo Automotores), e também o chassi.

Este último trata-se de um código repleto de números e letras localizado em algumas partes do automóvel ou da motocicleta. Mas você sabe para que serve o chassi? Onde ele está localizado? Quais vantagens o proprietário do veículo tem com ele e como fazer a leitura deste código?

As perguntas são muitas, mas a Zapay lhe ajuda. Confira neste conteúdo tudo sobre a importância do chassi e sua praticidade, como realizar sua leitura e de quais formas ele auxilia para que seu veículo ande dentro da lei – e para que você não caia em nenhuma cilada ao comprar um novo carro ou moto. Leia este artigo e aprenda as dicas.

O que é o chassi de um veículo?

Como identificar o chassi de um veículo? 

O que é o chassi de um veículo?

Vamos direto ao ponto, afinal, é melhor começar pelo início de tudo: o que é o chassi de um veículo? Trata-se do documento de identidade do seu automóvel, registrado em um código composto por 17 números e letras. Esta combinação é exclusiva para veículo – ou seja, é única, por isso é comparada ao documento de identificação que seres humanos possuem.

Esta sequência que mescla números e letras é oficialmente chamada de número de identificação do veículo (ou VIN, sigla em inglês para Vehicle Identification Number). Este código pode revelar informações, informações importantes sobre o veículo, como seu modelo e versão, além de onde e quando foi produzido. 

Uma curiosidade: o atual padrão utilizado nos chassis dos carros brasileiros e de todo o mundo é o mesmo desde 1981. Tal padrão tem como base as recomendações da Resolução 4030 da ISO (Organização Internacional de Normalização).

Palavras ambíguas:

Chassi é também o nome como é conhecida a estrutura de suporte de carga do veículo ou de um objeto artificial, que suporta estruturalmente tal objeto em sua construção e função. Ou seja, é a base, feita de material rígido, que sustenta os sistemas embarcados do carro, utilizado também para designar toda a estrutura de suporte de outros equipamentos deste veículo. 

Qual é a principal função do chassi do automóvel?

Ao realizar a sua consulta chassi, saiba que você estará diante de informações primordiais sobre o veículo em questão. Afinal, é com o código do chassi que o motorista pode identificar o carro, como vimos no tópico anterior, e também ficar apto para perceber se houve qualquer tentativa de fraude.

E aqui vai uma dica: o chassi está presente em mais de uma parte do carro, geralmente no motor ou na carroceria. Isso faz com que fica evidente para as autoridades policiais perceber se há documentos adulterados, em casos de furtou ou ainda roubo. Mesmo motoristas podem reconhecer se um componente original do carro foi trocado.

Imagina-se na seguinte situação: você quer comprar um novo veículo e precisa saber informações sobre o automóvel desejado. O vendedor lhe mostra as partes físicas do carro, você consulta potenciais multas ou documentos em atraso a partir do número do RENAVAM e da placa do veículo. Mas para checar se estes dados batem a contraprova é o número do chassi. Ou ainda, para saber se alguma parte original foi trocada. 

Saber sobre essas informações pode lhe livrar de muitos problemas e enormes dores de cabeça. Afinal, ninguém quer comprar um veículo que foi adulterado ou que pode vir de uma situação de ilegalidade. Portanto, fique ligado!

Dica da Zapay

Você sabe como e onde fazer o documento do seu veículo? A Zapay montou este artigo com todas as informações que você precisa saber para ficar com toda a documentação do seu automóvel em ordem. Um spoiler: a emissão do documento está atualizada – e dialogando com a dinâmica dos nossos tempos – e agora é possível tirar a CRLV Digital, de um jeito rápido e prático. Acesse o link e confira!

Como identificar o chassi de um veículo?

Para identificar o código presente no chassi é necessário compreender cada posição e cada caractere que lá consta. Aprenda a seguir qual é o significado das letras e dos números de um chassi, além da importância da ordem em que aparecem.

XXX.______.__.______ = ao observar os três primeiros caracteres de um chassi, você poderá saber, respectivamente, a região geográfica do país de produção e o fabricante.

Exemplo: o primeiro caractere poderia indicar fabricação na América Latina, o segundo designaria o país (poderia ser o Brasil) e o terceiro o fabricante ou a montadora – a General Motors é representada por G, a Ford por F, a Volkswagen por W e assim por diante.

___.XXXXXX.__.______= já a secunda sequência do chassi revela dados sobre o tipo de carroceria, o tipo de motor do automóvel, os principais equipamentos de segurança, o modelo do automóvel, além de um dígito verificador (para controle interno do fabricante). Estes caracteres são os chamados VDS (Vehicle Description Section), a seção descritiva do veículo.

___.______.XX.______=  os caracteres da terceira sequência do chassi designam o ano de modelo do veículo e a localidade de fabricação do veículo.

Aqui se encontra a seção indicadora do veículo, a VIS (Vehicle identification Section). Ela abrange os caracteres da posição 10 até a posição 17.

O décimo caractere pode ser letras ou números e ele permite identificar o ano do veículo.

Já o décimo primeiro caractere mostra qual é a fábrica e o local onde o fabricante montou aquele veículo. 

___.______.__.XXXXXX= este último grupo diz respeito ao veículo fabricado nas configurações anteriores. Ou seja, o número de série individual do automóvel.

A partir da décima segunda posição de caractere está a numeração de série do carro.

Onde está o número do chassi?

Mas, afinal, onde está localizado o número do chassi do meu veículo? Fique tranquilo, pois existe um padrão para o local onde ficam registrados os chassis. Em vias de regra, o número do chassi fica ao lado direito, próximo ao banco do passageiro, na parte metálica.

Neste espaço, observe que há uma tampa de encaixar – ao se levantar esta tampa o número do chassi fica evidenciado. 

Uma curiosidade: se você estiver procurando pelo número do motor, este costuma ficar próximo ao cabeçote, em um espaço determinado apenas para esta marcação.

Conheça BIN

Você já ouviu falar sobre a BIN? Não?! A Zapay lhe explica, então: trata-se da Base de Índice Nacional (BIN), uma forma encontrada pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), de manter o controle geral da frota nacional, através de dados informatizados e centralizados.

Ainda, a BIN é um compilado de informações vindas de múltiplas fontes. Tais dados têm como função atestar a situação dos veículos brasileiros. Para isso, a partir do suporte do RENAVAM, esta base de dados é capaz de manter o registro das características e informações principais de um automóvel e toda a trajetória feita por ele, desde o momento que sai da fábrica. Confira este conteúdo especial feito pela Zapay e fique por dentro da importância da BIN.  Basta clicar e acessar o link indicado. 

Como saber o chassi de carro? 

Há alguns locais estratégicos onde o chassi ou número VIN de seu veículo está localizado nas diferentes partes do seu carro, ônibus ou caminhão. Conheça onde você pode ler as informações sobre o chassi do seu veículo:

– Procure os documentos do automóvel. Há alguns documentos que podem incluir este código, tais como documento do carro, cartão de registro, manual do proprietário, documentos do seguro, registros de reparo, relatórios policiais e relatórios de histórico do veículo.

– Observe o painel do carro, mais precisamente no canto inferior esquerdo, onde está o para-brisa.

– Olhe também a porta do lado do motorista, ali na parte do batente e das bordas da porta do carro.

– É possível encontrar o VIN ao levantar o capô – ele estará na parte da frente do bloco do motor.

– Procure também no próprio chassi do veículo. Olhe na parte frontal do chassi, entre o para-brisa e o recipiente de fluido para lavagem de para-brisa.

– Observe o seu estepe e, para isso, levante-o. O VIN pode estar gravado no local onde o estepe fica armazenado.

– Ainda: você pode encontrar a sequência VIN ao olhar por baixo do vão da roda traseira do seu veículo. Você precisará deitar no chão e uma lanterna poderá lhe ajudar muito a ler o código.  

Quando você encontrar o número do chassi do seu carro, caminhão ou ônibus (ou ainda de sua moto), siga esta dica prática: anota o código em um lugar onde você o encontrará facilmente. Isso lhe poupará tempo para saber sobre as informações contidas nesta sequência. 

Como saber o chassi da moto?

Já para identificar um chassi de moto, você deve se atentar às seguintes partes deste veículo:

– Procurar o código VIN na parte superior do chassi, perto do pescoço de direção. A sequência estará gravada em metal.

– Verificar o motor da motocicleta, mais precisamente na parte de baio dos cilindros do motor.

– Observe também a parte frontal do chassi da moto.

– Aqui também é válida a dica para procurar nos documentos relacionados à sua moto.

Estas dicas são válidas tanto para motocicletas quanto para scooters e quadriciclos.

Leia também

Vistoria veicular

Afinal de contas, motorista, você sabe como funciona uma vistoria veicular?! Saber da importância deste processo é uma obrigação que todo condutor e proprietário de carro deve saber e estar atento sobre. Indo diretamente ao ponto: a vistoria veicular é uma maneira de garantir que o seu veículo esteja em boas condições de rodagem, ou mesmo que ele de fato exista perante o Conselho Nacional de Trânsito (Contran). Colocar o veículo à disposição da vistoria é garantira segurança do motorista, dos passageiros e dos demais membros que fazem parte do trânsito (como outros condutores e pedestres).

A vistoria veicular garante boa conservação do veículo e de seus principais sistemas e equipamentos de segurança. Além disso, ela é uma forma de ter a certeza que o automóvel mantém suas características originais. Isso impede que carros ilegais, por exemplo, circulem livremente – afinal, é difícil identificar esses veículos apenas olhando para infrações.  Saiba no link indicado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.