Free Flow
Categories:

O que é o pedágio free flow e como ele funciona?

O free flow é um sistema de cobrança de tarifa que dispensa a existência de praças físicas de pedágio nas rodovias e vias urbanas. Em vez de parar ou reduzir a velocidade para pagar o pedágio, os veículos passam por pórticos (pontos de cobrança do free flow) equipados com câmeras, sensores e antenas que identificam os veículos e calculam o valor da tarifa de acordo com o trecho percorrido.

Esse sistema traz vários benefícios para os usuários das rodovias, como maior fluidez, segurança, conforto e economia. Além disso, o free flow contribui para a redução da emissão de poluentes e do consumo de combustível, pois evita as acelerações e frenagens desnecessárias.

O pedágio free flow já é uma realidade em vários países do mundo, como Estados Unidos, França, Chile e Portugal. No Brasil, a Lei 14.157/21 regulamentou a possibilidade de se criar esse sistema em rodovias e vias urbanas. O pedágio free flow Rio-Santos, foi a primeira experiência de pedágio free flow no país, entre Ubatuba (SP) e a cidade do Rio de Janeiro, pela concessionária CCR RioSP.

Como funciona o pagamento do pedágio free flow?

Para conhecer mais sobre o Free Flow é importante saber que existem duas formas de pagamento: pela etiqueta eletrônica (TAG) ou pela leitura da placa do veículo.

  • Pela etiqueta eletrônica (TAG): o usuário pode adquirir uma TAG com uma das empresas credenciadas pela ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) e instalá-la no para-brisa do veículo. Ao passar pelo pórtico, a TAG é reconhecida pelo sistema e o valor da tarifa é debitado automaticamente da conta do usuário. Além da praticidade, o usuário que optar pela TAG pode ter descontos progressivos na tarifa de acordo com a frequência de uso da rodovia.
  • Pela leitura da placa do veículo: o usuário que não tiver uma TAG pode pagar o pedágio pela leitura da placa do veículo. Ao passar pelo pórtico, a placa é capturada pelo sistema e o usuário tem até 15 dias para efetuar o pagamento da tarifa em um dos canais de atendimento da concessionária, como site, aplicativo, WhatsApp ou totens. Caso o usuário não realize o pagamento no prazo estipulado, ele estará sujeito à multa por evasão de pedágio.

Onde está em funcionamento o pedágio free flow no Brasil?

Atualmente já existem dois trechos em operação com o pedágio free flow no Brasil, outros a serem instalados e alguns estão entra

O sistema Free Flow já está em funcionamento em duas importantes rodovias do país:

  1. Rio-Santos (BR-101):
  • instalado em Paraty (Km 538), Mangaratiba (Km 447) e Itaguaí (Km 414).

2. ERS-122 (Rio Grande do Sul):

  • instalado entre os municípios de Flores da Cunha e Antônio Prado.

Trechos com liberação para a instalação do Free Flow no futuro

  • Rodovia Presidente Dutra (BR-116): No começo do trecho de Guarulhos no início de 2025.
  • Rodovias ERS-122, ERS-446 e ERS-240: Cinco novos pontos serão instalados em fevereiro de 2024.
  • Rodovias Washington Luís (SP-310), Brigadeiro Faria Lima (SP-326) e Rodovia Dona Leonor Mendes de Barros (SP-333): Implementação gradual a partir de 2025.
  • Rodoanel Norte de SP: Início das operações previsto para 2026.
  • Rodoanel de Belo Horizonte: Início das operações previsto para 2026.

Trechos Free Flow em aprovação

  • Lote Litoral Paulista: Leilão marcado para abril de 2024, abrangendo a rodovia que conecta o Alto Tietê ao Litoral Paulista.

Trechos Free Flow em fase de análise

  • Ponte Rio-Niterói
  • BR-116 no trecho em São Paulo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *