câmbio automático
Categories:

Descubra como dirigir carro automático passo a passo

Descubra o passo a passo de como dirigir carro automático

Você sabe como dirigir carro automático? Neste artigo, a Zapay te mostra como conduzir veículos com câmbio automático de um jeito seguro e prático. O grande segredo está na compreensão das letras e da dinâmica deste câmbio.

Fique por dentro sobre como dirigir um carro automático, qual marcha utilizar ao ligá-lo, o que são as siglas S e D+ e como sair na subida. Coloque o cinto de segurança e embarque nesta com a Zapay.

– Qual marcha deve usar para ligar o veículo automático? 

– Como dirigir um carro com câmbio automático? 

– O que é a letra S no câmbio automático? 

– Como sair na subida com câmbio automático? 

– O que é D+ no carro automático?

O site da Zapay é sempre uma mão na roda!

Conheça nossos serviços e aprenda como quitar os seus débitos veiculares.

Saiba como parcelar multas, IPVA, licenciamento e demais tributos em até 12 vezes no cartão de crédito.

Você pode também consultar placa do veículo e conhecer as pendências do automóvel.

Vem que a Zapay te ajuda a deixar sua vida veicular em dia!

Venha conhecer nosso aplicativo!

Com o app da Zapay você vai:

Consultar seu IPVA, licenciamento e Multas;

Parcelar tudo em até 12x com as menores taxas do mercado;

Ser avisado quando precisar renovar seus documentos.

APP Zapay

Qual marcha deve usar para ligar o veículo automático? 

Para ligar um veículo automático, é necessário seguir o seguinte caminho: o condutor deve pisar no freio e dar a partida com a marcha engatada em P (Parking). Em seguida, quando o motor estiver ligado, é necessário mudar a marcha para a letra D (Drive) ou R (Ré).

É importante ressaltar que os veículos que têm câmbio automático são cada vez mais preferência dos brasileiros, sobretudo para aqueles que podem comprar carros zero quilômetros. Foi-se o tempo que esta facilidade de não precisar da embreagem para dirigir era destinada apenas aos automóveis de luxo.

Você sabe como o sistema de câmbio automático funciona? Vem que a Zapay lhe explica! 

A ligação entre a caixa de transmissão e o motor é feita por um componente denominado conversor de torque. Assim, as marchas são definidas por engrenagens epicicloidais (planetárias) – que, por sua vez, são distintas das engrenagens utilizadas em sistemas manuais. É por conta desta característica que o câmbio automático pode ser também chamado de epicíclico. 

Desse modo, as mudanças de marchas são feitas automaticamente, através de uma central eletrônico, respeitando a rotação do motor e a velocidade do carro. Embora tenha um funcionamento bastante suave, as trocas de marchas não são tão rápido se comparadas com as dos câmbios automatizados de dupla embreagem. 

Saiba o que quer dizer cada letra que aparece nos câmbios automáticos, de forma geral 

1. D – esta letra diz respeito à palavra “drive”, que quer dizer dirigir. Quando o veículo está nessa posição, as marchas vão sendo trocadas automaticamente – de modo a ser possível notar a diferença entre o câmbio automático e o manual, já que dispensa a embreagem para as trocas. A posição D é a mais utilizada pelo veículo, afinal, é com ela que carro se move para frente. Uma vez nesta posição, o motorista deve utilizar os pedais de freio e de aceleração para mudar para a velocidade desejada. 

2. P – já a letra P está relacionada à palavra “parking”, que quer dizer estacionar. Esta é a posição que indica que o veículo fica parado. Desse modo, sempre que o condutor estacionar o veículo (automático), o câmbio deve estar na posição P. Importante: essa posição só deve ser acionada depois que o automóvel já estiver totalmente parado.

3. R – esta é a posição de ré do carro – no caso, a letra R deriva da palavra “reverse”. Para que o câmbio fique na posição R, é necessário que o veículo esteja totalmente parado. Caso o carro esteja em movimento, o efeito em posicionar o câmbio em R é ainda pior do que colocar em P. Portanto, fique atento e evite acidentes. 

4. N – trata-se da posição neutra do câmbio, sendo que N significa “neutral”, em inglês. Ou em outras palavras, seria a posição designada para o “ponto morto”, que é quando não há nenhuma marcha engatada. E qual seria, portanto, a diferença entre as letras P e N? P diz respeito a estacionar, conforme você já aprendeu neste artigo. N serve apenas para emergências.  

Dica da Zapay: você sabe qual é a diferença entre o carro automático e o manual? Aprenda mais sobre o tema neste conteúdo especial.  

como destravar câmbio automático

Como dirigir um carro com câmbio automático? 

É importante destacar que as regras básicas para iniciar a viagem em um veículo valem tanto para aqueles que são automático quanto para os manuais. São elas: ajustar espelhos, usar cinto de segurança e respeitar a legislação de trânsito. Confira qual a maneira mais recomendável para se dirigir um carro automático:

  1. Ligue o veículo: antes de ligar o carro, é necessário estar com o pé pisando o freio. 
  2. Lembre-se de que não é necessário passar a marcha em um veículo automático, afinal ele não tem embreagem. Ou seja, não é necessário usar o pé esquerdo.
  3. Solte o freio de mão: para esta etapa, após ajustar o câmbio na posição adequada, é necessário soltar o freio de mão. O pé do condutor deve estar no pedal de freio, para que o veículo não ande sozinho.
  4. Preste atenção ao pedal de freio: caso o câmbio esteja na posição D (Drive) ou R (Ré), é necessário que o condutor esteja pisando o pedal de freio. Vale lembrar que, mesmo que o condutor não se aproxime do acelerador, o veículo pode andar – por isso é importante manter o pé no pedal de freio, já que carros automáticos têm aceleração constante. 
  5. Na hora de parar e de estacionar, é necessário tomar cuidado também com o freio. Imagine a situação: o motorista precisa estacionar e, se ele tirar o pé do freio antes de mudar o câmbio para a letra P (Parking), o veículo se moverá para frente. Tal contexto pode causar algum acidente envolvendo outro veículo, muro ou ainda atingindo um pedestre. 
  6. Cruzamentos e semáforos: são situações que exigem ainda mais atenção do condutor. Caso o motorista pare o veículo e tire o pé do pedal de freio, o automóvel poderá se mover para frente – situação que também abre margem para acidentes.
  7. Depois que o condutor, finalmente, conseguir estacionar o veículo, ele deve colocar o câmbio na posição P (Parking) e, após este gesto, puxar o freio de mão. A última etapa é desligar o automóvel.

O que é a letra S no câmbio automático? 

Alguns câmbios automáticos mais sofisticados apresentam a letra S, que significa “Sport”. O objetivo desta opção no câmbio é tornar a condução do carro mais esportiva, de modo a esticar mais a rotação do motor em cada marcha, antes de mudar para a marcha seguinte.

Caso o amigo condutor tenha a oportunidade de observar o câmbio automático de veículo mais antigo, ele poderá notar que há a posição S, mas ela significa “Snow” – neve, em inglês. 

Mas havia um motivo: bastante presente em veículos no hemisfério Norte (onde há neve), a opção S eliminava a primeira marcha, de modo que já arrancava para a segunda, evitando que os pneus do veículo patinassem no gelo ou mesmo na lama – o que poderia causar um acidente. Ou seja, a função S servia para possibilitar que o carro se movesse, mesmo com adversidades como a neve e a lama.

Hoje, tal função é feita pelo Controle de Tração dos automóveis, que é um dispositivo eletrônico, cujo objetivo é evitar o deslizamento das rodas – situação perceptível quando há abundância de neve ou lama.

O que é a posição L?

Alguns veículos apresentam ainda a posição L, que diz respeito à palavra “low”. Trata-se de uma função que aciona uma marcha mais forte, como a primeira e a segunda, sendo ideal para subir uma ladeira mais íngreme, por exemplo. A posição L impede que a transmissão, em rotações mais elevadas, troque de marcha no meio desta subida e seu automóvel perca torque, o que evita também que o sistema retorne para uma marcha abaixo logo depois.  

Em certos câmbios automáticos, pode ser que o amigo condutor observe os números 1, 2 e 3 – com a presença ou não da letra L. Eles dizem respeito às marchas, da primeira à terceira. Tais posições podem permitir que o motorista limite o funcionamento do câmbio automático, utilizando, no máximo, até aquela marcha designada. Por exemplo, se o número 3 for selecionado, o câmbio manterá sempre essa marcha. E assim por diante. Isso evita que o carro perca força.

Como sair na subida com câmbio automático? 

Antes de mostrarmos qual é a sequência para sair com o carro automático na subida, vale a pena ressaltar como estacionar o veículo em um morro.

O primeiro passo é acionar o freio de estacionamento, que é o freio de mão, e, apenas após esta etapa, colocar a alavanca do câmbio na posição P (Parking).

Desse modo, para sair com o automóvel desta subida, é necessário inverter a ordem – acionar a alavanca do câmbio em D (Drive) e, em seguida, soltar o freio de mão.

Realizar a manobra com outras ordens pode fazer com que a alavanca do câmbio automático trave na posição P, por conta do peso do carro. Fique ligado! 

O que é D+ no carro automático?

Quando o veículo está posicionado na posição D (Drive), conforme o condutor arranca, ele vai acelerando – e o câmbio, consequentemente, joga as marchas para cima, de forma automática. Se assim vai: primeira, segunda, terceira, quarta e outras.

Contudo, quando há uma subida, o câmbio reduz a marcha – se está na quarta, reduz para a terceira e assim por diante. Já no caso de descidas íngremes ou antes de curvas mais acentuadas, cabe ao amigo condutor engatar a posição D3 ou D2 para usar o freio-motor e poupar os freios. Dica importante! 

Isso evita o risco de superaquecimento dos componentes e o fenômeno do fading, que pode deixar o automóvel sem freio. 

Assim, D+, indica as posições do câmbio em D: D1, D2, D3, etc.

5 comentários: “Descubra como dirigir carro automático passo a passo
  1. muito top. com essa instrução fiquei mais seguro pra dirigir meu track. ainda não tinha intimidade com ele agora sim vou ficar mais ligado.

  2. Excelente explicação. Há menos de um mês que dirijo carro automático, com essa explanação fiquei muito seguro. Bastante didático e prático. Parabéns!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *