Imagem de uma moto ilustrando o conteúdo com as melhores motos para trabalhar com delivery e entrega
Categories:

Melhor moto para trabalhar: 9 modelos que valem a pena

O papo hoje é sobre motos para trabalhar!

Já deu pra ver que o mercado de delivery e de entrega de produtos deu um boom nos últimos anos, sobretudo com a pandemia. Afinal, com o isolamento tudo precisou se reorganizar – daí o protagonismo do motoboy e sua moto para trabalhar entrou em cena, fazendo toda a diferença no funcionamento da sociedade.

Criamos esse conteúdo pois percebemos uma dúvida recorrente: poxa, dentre tantas opções, qual a melhor moto para trabalhar? Afinal, pode não ser tão simples assim escolher uma moto para chamar de sua!

Pensando em te ajudar, trouxemos dicas úteis e listamos as 9 melhores motos para trabalhar, assim fica mais fácil encontrar aquela que atende exatamente ao que você precisa. Vamos nessa!

O que levar em conta ao escolher a melhor moto para trabalhar 

Há alguns pontos que devem ser levados em consideração ao se escolher uma motocicleta, principalmente se for uma moto para trabalhar. Afinal, boa parte do seu tempo você passará em cima dela: fazer uma boa escolha é essencial, até mesmo para o seu bolso.

Considere, portanto, pontos como:

  • Postura de pilotagem: mesmo se você não puder fazer um teste drive, peça ao vendedor para que possa montar na moto, pois você precisa ter uma noção sobre o conforto e como fica a sua postura ao sentar. É fundamental tocar ao solo com os pés, de maneira firme – atente-se a este detalhe sobre a comodidade da sua moto para trabalhar e evite passar perrengue (e dores de coluna!).
  • Tipos de uso e versatilidade do modelo: trata-se de um veículo apenas para trabalhar ou também para atender demandas como os estudos, pegar a estrada no fim de semana, ir acampar ou fazer trilha? Opções no mercado não faltam: com ou sem partida elétrica, com freio a disco nas duas rodas ou somente na dianteira, com espaço para guardar o capacete na própria moto ou não, controle de tração, freio ABS, com cavalete central ou apenas descanso lateral para sustentar a moto parada, entre outras possibilidades. Pesquisa e compare, sempre, para encontrar a moto para trabalhar que se encaixe com suas necessidades e seus gostos.
  • Potência: há variedade ainda quando o assunto são as cilindradas. A moto pode apresentar baixa cilindrada, motor de um cilindro e até uma de alta cilindrada, com motor duplo em “V”. Para o trânsito nas cidades, uma moto de 150 cilindradas costuma dar conta do recado – e aqui se encaixa a moto para trabalhar, pois entra o fator economia.

Dica da Zapay: confira nosso guia atualizado sobre placas de trânsito.

Escolha um modelo econômico 

Ao escolher uma moto para trabalhar, é crucial considerar as que consomem pouco combustível. Faz todo sentido dar preferência aos modelos mais econômicos – com baixa cilindrada, entre 125 cc e 200 cc.

A boa notícia é que com a utilização da injeção eletrônica em praticamente todos os modelos, o consumo das motos agora é ainda mais eficiente que antigamente. Mas saiba que as diferenças de rendimento podem mudar entre um modelo e outro.

Considere também se o sistema é flex – a depender do preço do álcool ou da gasolina, o condutor pode encontrar a opção mais vantajosa. Tais pontos podem lhe ajudar a encontrar a melhor moto custo-benefício para trabalhar.

Escolha um modelo com baixo custo de manutenção 

Outro fator fundamental, é que o modelo de moto para trabalhar precisa ter baixo custo de manutenção! Afinal, o veículo será um instrumento de trabalho – e quanto menos gastos com ele, melhor para o bolso do condutor. 

Será aquela moto “pau pra toda obra”, você vai rodar muito com ela. Quanto mais a gente roda, há mais desgaste e também mais chances de imprevistos e pequenos problemas a consertar. 

Inclusive, é importante praticar sempre a direção defensiva para diminuir os riscos (de acidente com a gente e com o bolso – manutenção tá caro!)

Pesquise avaliações e reviews do modelo antes de bater o martelo 

Não tem jeito, amigo condutor: é fundamental fazer a lição de casa pesquisando e avaliando os modelos disponíveis de motos para tomar uma boa decisão.

Hoje, as fontes mais preciosas de informação são as avaliações dos próprios clientes. 

Ao escolher um modelo, busque e leia a opinião de donos, ex-donos e mecânicos. Uma dica prática é buscar pelo nome do modelo + a palavra “avaliações”, por exemplo: 

  • Honda POP 110i avaliações
  • Honda CG 160 Start avaliações

Assim você encontrará a opinião de pessoas reais, que realmente já utilizaram o modelo e passam suas opiniões (geralmente sinceras) sobre se os modelos de moto são boas ou não.

Há, inclusive, diversas comunidades on-line que podem ser muito úteis para este propósito. 

A seguir, a Zapay elencou um hall das melhores moto para trabalhar. Muitas marcas tem modelos que valem a pena e que são bastante recomendados, daí recheamos o conteúdo os melhores modelos das principais marcas. Aproveite! 😉

Melhores motos da Honda para trabalhar: as preferidas dos motoboys! 

Confira algumas das melhores motos para trabalhar da Honda disponibilizadas nas lojas brasileiras e perceba por que a marca é uma das queridinhas principalmente de quem trabalha com entregas!

Honda POP 110i 

Imagem da honda POP 110i, considerada por muitos o melhor modelo de moto para trabalhar de delivery

Fonte: página da Honda POP 110i no site da Honda.

A Honda POP 110i conta com injeção eletrônica, que garante ótimo rendimento com menor consumo de combustível. 

Ela é uma semiautomática rotativa de quatro marchas. Assim, não é necessário usar o manete de embreagem, o que oferece mais conforto à pilotagem.

Esta moto tem ainda partida elétrica, freios CBS (que frenagem integrada) e banco texturizado, trazendo mais segurança e ergonomia. 

Honda BIZ 110i e 125 

A Honda BIZ é um sucesso nas ruas brasileiras desde que chegou ao nosso mercado, em 1994. E ela é mais uma opção prática de moto para trabalhar. Confira as diferenças entre os modelos 110i e 125:

Honda BIZ 110i 

Imagem da honda POP 110i, outro modelo muito bom de moto para trabalhar de delivery

Fonte: página Honda BIZ 110i da no site da Honda.

A 110i é cerca de 20% mais barata do que a 125. Embora o motor da 110i seja menos potente, ele dá conta da demanda, sobretudo se boa parte das viagens for feita em vias urbanas, com limites de velocidade baixos. 

Ainda: a 110i é ainda mais econômica do que a 125.

Honda BIZ 125 

Imagem da Honda BIZ 125, um modelo confortável de moto de trabalho

Fonte: página Honda BIZ 125 da no site da Honda.

Por sua vez, a 125 é ótima opção para rodar em vias de trânsito rápido, também é uma queridinha dentre as moto para trabalhar, principalmente para quem trabalha com entregas devido ao maior conforto para passar muito tempo sentado.

Além disso, como é mais potente este veículo consegue acompanhar o ritmo de grandes avenidas com mais desenvoltura. 

Esta BIZ ainda é boa alternativa para quem costuma conduzir em terrenos irregulares. A 125 conta ainda com a tecnologia FlexOne, que possibilita rodar usando gasolina ou etanol – uma exclusividade desta BIZ.

Honda CG 160 Start 

Imagem da Honda CG 160 Start, um modelo versátil e econômico para trabalhar de moto

Fonte: página Honda BIZ CG 160 Start da no site da Honda.

A CG 10 Start é uma boa pedida para quem quer uma moto para trabalhar com uma proposta mais esportiva em seu visual. Ela conta com freios CBS, suspensão dianteira, chassi, protetor de corrente e protetor de escapamento.

Além disso, apresenta painel digital, motor de 160 cm³, partida elétrica e injeção eletrônica. É conhecida por oferecer ótimo custo-benefício com tal combinação.

Honda PCX 150

Foto da Honda PCX 150, uma boa moto para trabalhar pois é scooter e proporciona mais conforto.

Fonte: página Honda PCX 150 da no site da Honda.

Uma opção para quem gosta de scooters e motos automáticas, a PCX 150 é uma protagonista no segmento, estando hoje em sua terceira geração. Ela alia três pontos que são fundamentais para quem procura uma moto para trabalhar: praticidade, conforto e economia.

A PCX 150 adota um motor 150cc, quatro tempos, arrefecido a líquido e com injeção eletrônica, combinação que faz com que a moto supere os 30 km/litro. Sua potência é de 13,2 cv a 8.500 rpm. 

Honda XRE 190 

Imagem da Honda XRE 190, uma moto boa para trabalhar com entregas, mas que vai além disso. O modelo tem pegada tracking e também vai bem nas estradas.

Fonte: página Honda XRE 190 da no site da Honda.

A Honda XRE 190 é mais uma ótima opção de moto para trabalhar, sendo uma opção mais robusta e ideal para quem também pensa em utilizar a moto para viajar, por exemplo.

Ela tem algumas comodidades quando pensamos em motos para trabalhar, principalmente quando o assunto é moto para trabalhar com delivery: a tampa do tanque é articulada, facilitando o abastecimento (é mais prático).

Tem também um sistema anti-travamento no freio dianteiro, que evita que a roda trave em uma brecada mais forte. Ponto positivo devido aos imprevistos do trânsito caótico no dia a dia.

Melhores motos para trabalhar da Yamaha 

Conheça agora alguns dos melhores modelos de motos para trabalhar que a Yamaha oferece. Assim como a Honda, a marca também é uma queridinha das motos de trabalho!

Yamaha Factor 125i UBS 

Imagem da Yamaha Factor 125i UBS, uma das motos da yamaha preferidas dos entregadores de ifood

Fonte: página Yamaha Factor 125i UBS da no site da Yamaha.

Dentre os destaques da Yamaha, a Factor 125i é uma das opções quando ao assunto é moto para trabalhar. Com motor de 125 cc, este veículo é bastante resistente para o uso diário – o que faz com que seja um grande aliado no trabalho.

Este motor é conhecido por ser durável e econômico, com tecnologia Blueflex, que atende tanto gasolina quanto etanol – ou ainda ambos! Acredite: economizar gasolina é importante para aumentar a sua margem de lucro.

O painel da Factor 125i conta com iluminação de LED, onde o condutor pode se orientar quanto a conta-giros, indicador de marcha e função ECO – que indica se o motorista está pilotando de modo mais econômico, por exemplo.

Yamaha NMax 160 

Foto da Yamaha NMax 160, uma das melhors motos para trabalhar da yamaha por ser um modelo scooter que proporciona muito conforto para quem fica sentado o dia inteiro fazendo entregas.

Fonte: página Yamaha NMax 160 da no site da Yamaha.

A Yamaha NMAX 160 é mais uma opção de scooter em nossa lista sobre moto para trabalhar. Ela vem com controle de tração, que se associa aos freios ABS nas duas rodas, de modo a proporcionar melhor controle de pilotagem em pisos de baixa aderência, por exemplo.

O motor da NMAX é de 10 cc e 15,4 cv de potência, com tecnologias exclusivas para a categoria, tais como cilindro em DiASil, que traz melhorias à eficiência do motor, e comando de válvulas variável (VVA), cujo objetivo é garantir maior desempenho e menor consumo de combustível. 

A moto conta ainda com sistema Start/Stop, que reduz o consumo de combustível e a emissão de poluentes.

Yamaha FAZER FZ15

Imagem da Yamaha FAZER FZ15 modelo 2024, um modelo mais robusto de moto para trabalho que vale o investimento para quem se interessa por motos.

Fonte: página Yamaha FAZER FZ15 da no site da Yamaha.

Para quem busca praticidade no dia a dia e quer uma aliada para fazer entregas, saiba que a FAZER FZ15 ABS é mais uma ótima opção de moto para trabalhar.

Ela conta com um motor de 150 cc, sistema Blueflex, além de escapamento com ronco mais grave e encorpado. Ou seja, uma moto repleta de agilidade e personalidade.

Bônus: dicas para cuidar bem da sua moto 

Confira algumas dicas que podem ajudar com o prolongamento da vida útil da sua moto para trabalhar:

  • Fique ligado na manutenção da moto escolhida e se previna de problemas. Pesquise opiniões de quem já tem a moto que você deseja e também de um mecânico mecânico de sua confiança, entenda quais pontos podem dar problema com mais frequência e que tipo de manutenção preventiva você pode fazer para se prevenir. Este é um ponto crucial para considerar uma moto boa para trabalhar.
  • Não se esqueça de verificar o óleo. Afinal, ele é o responsável por lubrificar as partes móveis do motor e realizar a devida limpeza. Por isso, é crucial trocar o óleo periodicamente, para prolongar o bom funcionamento do propulsor o máximo possível. 
  • Cuide também da embreagem – evite ficar apertando sem necessidade, pois isso pode danificar o mecanismo em curto ou médio prazo. Essa prática aumenta o consumo de combustível e faz o motor durar menos.

Dica da Zapay: organize-se quanto a multas, licenciamento e outros débitos veiculares. Ah, e não se esqueça de pagar IPVA!

E então, tá pronto para escolher sua moto para trabalhar?

Agora que você tem o norte para fazer a sua pesquisa em busca da moto para trabalhar que seja perfeita para você, fica bem mais fácil avaliar as diversas opções disponíveis no mercado, não é mesmo? 

Lembre-se: pesquise, compare, avalie o custo-benefício, veja avaliações de quem já tem e de quem já trabalhou com a moto.

Ah, e desejamos boa sorte nos novos desafios! 

Se você busca por moto de trabalho, certamente está querendo melhores condições para você. Acredite: ter o interesse de buscar por informações já é o primeiro passo para tudo dar certo. Você vai longe!

Avatar image of Zapay
Written by

Zapay

A Zapay nasceu em 2017 para facilitar a vida dos proprietários de veículos! Somos os únicos parceiros credenciados à SENATRAN e a todos os 27 DETRANs do Brasil. Trabalhamos duro para que você, motorista de carro, moto ou caminhão, tenha mais praticidade para realizar diversos pagamentos, processos burocráticos e consultas relacionadas ao seu veículo. Temos mais de 20 MILHÕES de clientes espalhados por todo o pais. Ah, fazemos questão de compartilhar todo o conhecimento e a experiência que a gente tem aqui em nosso blog. Amamos tudo sobre o universo automotivo. Dar dica boa, é com a gente mesmo!